Uncategorized

Fim de semana violento: 25 pessoas assassinadas em Curitiba e RMC

Jadson André e Marcelo Borges da Banda B – A região metropolitana de Curitiba teve um alto índice de mortes violentas durante este fim de semana. Das 34 pessoas que chegaram em óbito ao IML da capital, 25 foram vítimas de assassinatos, 21 delas mortas em decorrência de ferimentos por arma de fogo. O índice foi registrado entre as 18h de sexta-feira (9) até as 6h desta segunda-feira (12).

Os últimos a serem assassinados foram dois jovens, que morreram ainda na noite deste domingo (11). Por volta das 20h30, o adolescente James Glonotes Monteiro, 16 anos, foi baleado na cabeça em Fazenda Rio Grande, na região metropolitana. A polícia foi chamada, mas quando chegou ao local, o adolescente já havia morrido.

Meia hora depois, em São José dos Pinhais, Lucas Vinícius Machado da Silva, 18, foi vítima de tiros. Ele caiu ainda com vida ao lado de um comércio na avenida Guatupê, região do Jardim Alvorada. Ele foi encontrado por moradores e levado ao hospital, mas já estava morto.

Os dois casos foram atendidos por policiais do 17º Batalhão da Polícia Militar e mesmo com muitos curiosos, nenhuma informação sobre autoria dos crimes foi repassada. Entre as testemunhas imperou a lei do silêncio.

Acidentes

No balanço do IML, ainda figuram quatro mortes em decorrências de acidentes de trânsito. Em um dos casos, no final da tarde de sábado, um garoto de apenas 14 anos morreu depois de capotar um veículo Golf. Ele havia emprestado o automóvel do tio para dar uma volta com amigos.

O saldo violento ainda retrata duas mortes na dependência de exames complementares, além de um caso de suicídio e outro de queda. Esta última vítima trata-se de Sonia Regina Molleta, a única mulher da lista.

Comente