Uncategorized

Vereador do PT condenado por usar
notas fiscais falsas

O uso de notas fiscais falsas na prestação de contas da campanha eleitoral de 2008 custou carro para o vereador Arselino Roque Tatto (PT). O TRE o condenou por falsidade ideológica a um ano de reclusão. De acordo com o relator, juiz Moreira de Carvalho, Tatto juntou na prestação de contas notas fiscais no valor de R$ 40 mil referentes a serviços que não foram prestados.

3 Comentários

  1. o mandraque, de a noticia certa, da onde é o vereador?que cidade? ou oq interessa pra vc é só falar que ele é do PT, não picareta!!!

Comente