Uncategorized

Reviravolta no caso dos documentos anulados da Operação Dallas

Na última terça-feira, o Tribunal Regional Federal anulou todos os registros telefônicos e de e-mail usados como provas da Operação Dallas, que comprometeria profundamente as investigações de irregularidades no Porto de Paranaguá. No entendimento do TRF, o juiz responsável pelo caso em Paranaguá não era capacitado e deveria ter recorrido a uma vara especializada.

Pois bem. A alegação de que a vara de Paranaguá não poderia ter dado aval para a investigação está prestes a sofrer embargo da Procuradoria Geral da República. Assim, poderá ser anulada a decisão do TRF que anulava a validade das provas. Ainda há esperança para a Operação Dallas. Há esperança de que os responsáveis pelos diversos crimes cometidos no Porto de Paranaguá sejam punidos.

2 Comentários

  1. Pela andar da carruagem vão acabar prendendo o juíz…. Brasiuuuuuuuuuu, ziu, ziu, ziu..

  2. Quem acredita em punição nestes casos, acredita também em papai noel e coelhinho da páscoa.

Comente