Uncategorized

Revista Ideias de outubro

3 Comentários

  1. Bruxo Chik Jeitoso Responder

    Prezado Editor

    Quero aqui deixar meus mais sinceros Parabéns pela matéria de capa desta edição histórica da Revista Idéias. Colocar na capa a Umbanda o Candomblé, Numerologos, Cabalistas, Mistícos, Mesa Branca é o crescimento espeitirual, é o conhecimento é a liberdade da Cultura Afro Brasileira que faz parte de alguma maneira de gerações , gerações.

    Todos os Pai de santo, Mãe de Santo, Babalórixas , filhos e simpatizantes e estudiosos desta que é um enigma do bem tanto do povo Brasileiro como já difundida no Mundo inteiro, para quem há usa para o bem comum da coletividade humana.

    O Culto da mais Alta Magia, tano para os iniciantes, para os de tarimba, é demais sabe o quanto sofre com os preconceitos, é a diabolização por falta de conhecimentos. A liberdade de crença ela com está matéria se faz presente é merece todos os aplausos humanos é espeirituais de todos os mensageiros de Luz, Orixas.

    Através do nosso Hino , dos nossos pontos solenes, das oferendas concientes, dos trabalhos feito com todo carinho, nós envaidece um orgão de respeitabilidade colocar como opção de pauta é tratar de maneira tão imparcial. Os estudiosos de teologia com certeza tem um rico material para estudo é aprimorar é dispertar cada vez mais o zelo e carinho pelo culto conciente sem trasnformar em seitas, nem fanatismo com vendas atrazadas.

    Cada Orixa, cada vela, cada charuto, cada marafo, cada incesno, cada defumação, cada aprovação que se vence tem seus mais ricos fundamentos. Aos que orgulhosamente não mistificam é se deixa ser um instrumento de luz, paz, amor, evolução é crescimento, meus mais votos de que vale a pena.

    Os acentrais africanos que já pisaram nesta sagrada terra chamada brasil, fica sentindo homenagiados, aos passos lentos a descriminação vai se vencendo com as matrizes, cada orixa tem sua comunicação, basta ter conhecimentos. Nós não queremos que nós tolere, apenas que nós respeite, porque os nossos guias são vida.

    Me perdoem se eu misturei, é que é tão dificil uma pauta desta vergadura, que não podemos perder a oportunidade de elvar as mais alta estima é consideração para o editor chefe é repórteres , profissionais envolvidos. Quando dizemos que vaos acender uma vela para o santo, ainda mentimos, eles não precisam de velas nem de chamas, acendemos é para nós para o noso crescimento e iluminar os nossos caminhos.

    O secretismo academico, de hoje é como o tempo que se disfarçava com a dança da capoeira para os seus coroneis, porque ter vergonha do bem? Não vemos na Televisão o nosso espaço, nem no Rádio, nem como cotas, nem com porcentagem de espaço, nem uma concessão pública de uma Rádio AM e FM, nem um canal de Televisão Nacional como o catolecismo é outras denominações que se faz uso.

    Com respeito da diversidade, é como diz os antigos, cada um com suas diversidades, não com suas igualdades. respeito sempre. Deixo todos com o mais sagrado das benças dos fluidos positivos, cada um vencendo seus fantasmas, e tendo vida longa, com uma forte espiritualidade bem espirituoso todos os dias. Para receber as Boa Sorte que cada um planta com total merecimento, é saiba que fé não se encontra em quandulas de supermercado.

    Bruxo
    Chik Jeitoso

  2. QUE sandice é esse palavrório desse bruxo incompetente? Se o tal que se diz o tal não consegue se expressar corretamente na língua portuguesa que retorne então ao yorubá, edo, efik, ilibio e annang, ou então, que paguemos um curso de português ao todo poderoso afrodescendente que, de tão TÃO, não conseguiu nem o registro no TRE para se candidatar a cargo eletivo nas últimas eleições, dizem que por possuir uma ficha nada limpa.

Comente