Uncategorized

Ângelo Vanhoni foi absolvido pelo TRE

Da Joice Hasselmann

Por quatro votos contra dois, o Tribunal Regional Eleitoral julgou improcedente a ação do Ministério Público que pedia a cassação do mandato do deputado federal Ângelo Vanhoni (PT). O MP apontava irregularidades nos gastos da campanha eleitoral do ano passado, uma delas é o recebimento de doações depois do período eleitoral.

7 Comentários

  1. Lembro que no post anterior Fabio Campana, que queria ser um dos juízes, ja dava como certa a cassação.

    A defesa do Vanhoni se deu sobre a defesa do seu mandato popular e democrático e pelo não uso da má fé.

    A vitória acachapante no TRE deve ter frustrado o sonho de alguns por aí!

  2. Vitorio Sorotiuk Responder

    O “Tico” vulgo Angelo Vanhoni como vereador foi aqui e acolá. Como Deputado Estadual foi razoável dentro da média. Mas como Deputado Federal tem sido gigante. Foi o Presidente da Comissão de Cultura e relator da Lei que definu o plano da Cultura Nacional para os próximos dez anos. Agora é o Relator do Projeto de Lei do Plano Nacional de Edição para a próxima decada correndo Brasil afora e com muletas, enquanto que outros sarrados não saem do lugar.

Comente