Uncategorized

Samek condiciona candidatura a prefeito de Foz do Iguaçu

Da Roseli Abrao

O diretor brasileiro da Itaipu Binacional, Jorge Samek, está condicionando sua candidatura a prefeito de Foz do Iguaçu.

Antes de entrar nesta disputa quer saber quem será seu substituto no cargo.

Fontes próximas a Samek garantem que ele só aceitará ser candidato se o nome indicado para a Binacional for um “aliado”.

O argumento de Samek é que sem a Itaipu fica “difícil” administrar a cidade, promover os avanços que a cidade necessita.

Na avaliação de Samek, Foz precisa de muitos aliados além de Itaipu, como o governo do Estado e o governo federal.

11 Comentários

  1. Eu também quero!! 50 mil dólares por mês é melhor do ser presidente da fiep que ganha 22 mil dólares por mês.

  2. marilene ribeiro Responder

    é coisa de quadrilha…manter o território já ocupado e que está sendo saqueado…até quando este país vai suportar essa ´MÁFIA!!

  3. Quer dizer então que o atual prefeito da cidade não é aliado e por isso Itaipú não ajuda em nada a cidade e seus cidadãos?
    Isso é programa de governo do pt. : Não interessa o cidadão, mas sim algum aliado que possa eternizar o poder e a roubalheira.

  4. Samek deve ficar na Itaipu e lançar Gilmar Piolla como candidato do PT a Prefeitura de Foz. Ai não tem pra ninguém. Foz avança 50 anos.

  5. Quem conviveu com esses caras tomando pinga e comendo sanduiche de mortadela.
    A estampa do samek e de um rei scandinavo e os dentes de um puro sangue arabe.
    O poder ajeita as pessoas né.

  6. Porque tem que ser um…”ALIADO”…, estão com medo de estourar alguma bomba PETRALHADA.

  7. Fica claro que o tal Jose Arthur é o próprio Piolla… que sonha voar mais alto, o problema que não sabe nem bater asas… capacho de marca maior, que casou-se com uma loira, e acha que ta bem e ta mal….

Comente