Uncategorized

Pedágio mais caro no Paraná a partir de hoje

De O Estado do Paraná

A partir da zero hora desta quinta-feira (1º), os motoristas que trafegam pelas estradas do Anel de Integração do Paraná pagarão tarifas 4,53% mais caras, em média.

Ao contrário do que ocorreu nos oito anos do governo Requião, desta vez o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) homologou os cálculos dos reajustes apresentados pelas concessionárias de rodovias sem recorrer à Justiça. Nos últimos anos, o aumento era sempre autorizado por decisões judiciais, o que resultou em mais de 140 ações movidas pelo governo do Estado contra as pedageiras.

Em maio deste ano, o governador Beto Richa acertou uma trégua judicial com as seis empresas, enquanto negocia revisões nos contratos. O diálogo com os empreiteiros permitiu a retomada de algumas obras previstas nos contratos iniciais, como a duplicação de 14,4 quilômetros da BR-227, entre os municípios de Matelândia e Medianeira, na região Oeste, e a construção do contorno rodoviário de Mandaguari, na região Norte.

Na BR-277, entre Curitiba e litoral, que é um dos trechos mais movimentados, principalmente no final de ano e temporada, a taxa passou de R$ 13,30 para R$ 13,90. Atualmente são 27 praças de pedágio delegadas pelo Estado.

5 Comentários

  1. ESTE E O GOVERNADOR QUE DIZ ESTAR RESOLVENDO O PEDAGIO ASSIM ATE EURESOLVO E SO DAR AUMENTOS QUE AS EMPRESAS PEDEM E PRONTO

  2. Esta medida do governo deixa claro que ele esta ao lado das concessionárias e contra o povo.

  3. -As ações de Beto Richa no início de seu mandato, parecem que foram, apenas paliativas e pouco impactante, passado algúm tempo, vemos que o valor do pedágio não foi reduzido ou congelado e nem tampouco obras importantes como duplicações necessárias em rodovias de grande fluxo, deixaram a desejar…

  4. Parreiras Rodrigues Responder

    Tá certo BR.

    Já RR ia prá justiça mesmo sabendo que ia perder e aumentar o passivo judicial.

    Dai botava na Imprensa prá mostrar pro povão que tava peitando as concessionárias, que era macho e coisa e tal.

Comente