Uncategorized

Ministra discorda de dados da Unicef sobre pobreza de jovens

A ministra Tereza Campello (Desenvolvimento Social e Combate à Fome e à Pobreza) saiu em defesa das políticas públicas adotadas desde o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e declarou discordar de dados divulgados, na última quarta-feira (30), pela Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância), que apontam o aumento da pobreza extrema entre jovens de 12 a 17 anos, entre 2004 e 2009 –período que coincide com a implantação do programa Bolsa Família.

“Os dados da Unicef não são consistentes e pedirei reconsideração”, disse Campello.

De acordo com a ministra, houve distorção na metodologia usada no relatório “Situação da Adolescência Brasileira 2011”, que teve a renda de um quarto de salário mínimo como parâmetro para medir situações de extrema pobreza.


No caso brasileiro, foram considerados pobres jovens que recebiam o equivalente, hoje, a menos de R$ 128,50.

Segundo o relatório, houve piora na situação dessa faixa etária: de 16,3% de jovens em extrema pobreza em 2004 para 17,6% em 2009 –aumento de 1,3%.

De acordo com dados do Ministério do Desenvolvimento Social, houve redução de jovens na faixa de pobreza: de cerca de 6,5 milhões para 4,4 milhões no mesmo período –queda de aproximadamente 2,1 milhões. As informações são da Folha de S. Paulo.

7 Comentários

  1. Parreiras Rodrigues Responder

    E que a ministra não se esqueça de creditar ao Plano Real os resultados sempre comemorados pelo seu Governo.

    E existem outros estudos que mostram que o crescimento econômico no Brasil, mais se deve ao trabalho mesmo, que aos programas de assistencia petista.

  2. Esmola não da ambundância a vida! só faz aumentar o quantidade de desemprego. O programa de robim hood no pais não funciona com nessecidade que se pensa que é suficiente, ainda tem com a bolsa familia rico mais rico e pobre morendo por falta de alimentação adequada. a corrupçaõ não é ditada dentro do bolsa familia tem pessoa que tem poder de compra e recebe o bolsa familia além disso muitos são negados por falta informação dos proprios agentes. Será a ministra sabe disso? O Unicef sabe disso e esta ai os numeros. quem é o mentiroso????

  3. Vigilante do Portão Responder

    Passaram anos mentindo para o povão,

    Lula, campeão na arte de mentir, disse que havia acabado com a pobeza.

  4. Vigilante do Portão Responder

    Passaram anos dizendo que o Lula havia acabado com a pobreza.

    ERA MENTIRA.

  5. Indignado indignado diz: esta ministra está como o Ricupero, só que entre os dois há uma diferença abissal. O Ricupero pregava que a gente só fatura coisa boa. E a ministra quer o contrário, quer negar o que não lhe convém. O Ricupero caiu porque foi pego no grampo, e a ministra deve cair porque foi pega na mentira.

Comente