Uncategorized

Vereadores de Apucarana aprovam reajuste de 49% nos salários

De Bibiana Dionísio do G1 PR

Os vereadores de Apucarana, na região norte do Paraná, aprovaram ontem (21), em primeira discussão, o projeto de lei que reajusta o salário dos parlamentares em 49%, a partir de 2013. A remuneração passa dos atuais R$ 6.700 para R$ 10.020. A proposta ainda será votada em segunda e terceira discussão hoje (22) e amanhã (23).

Dos onze vereadores, apenas Aldivino Marques da Cruz Neto (PSC), conhecido como Val, foi contrário ao aumento.

Na opinião do presidente da Casa, vereador Alcides Ramos Junior, a população critica os aumentos, muitas vezes, porque desconhece a verdadeira função do legislador. “Nós não temos verba de gabinete, auxilio combustível ou auxilio para materiais gráficos e esse salário é para tudo como visitar as comunidades com o carro próprio”, declarou Alcides Ramos Junior em entrevista ao G1. O novo valor foi avaliado como razoável pelo presidente do legislativo de Apucarana.

O projeto prevê outros reajustes. O salário do prefeito, que hoje é de R$ 22,5 mil, passará para R$ 25 mil. O vice-prefeito, que atualmente recebe R$ 10 mil, passará a receber R$ 15.030,00. E o salário dos secretários municipais, de R$ 6,7 mil passará para R$ 9.250,00.

Para Alcides Ramos Junior, os políticos são vistos como ruins apenas por serem políticos e ainda que seja uma temática que desagrade a população, assim como a legislatura anterior votou a remuneração dos atuais vereadores, eles devem votar o salário dos que virão.

“Nós não sabemos quem será reeleito ou eleito por isso é permitido”, finalizou o parlamentar.

1 Comentário

  1. aumento do salário de vereador Responder

    MAS ISSO ÉRA EVIDENTE QUE IRIA ACONTECER, O EFEITO CASCATA PASSA DE CIDADE EM CIDADE, ISSO MOSTRA QUE INTERESSES PESSOAIS ESTÃO ACIMA DO QUE UM VEREADOR TEM DE FAZER AO ASSUMIR O CARGO….

    E TEM MAIS AQUI EM CURITIBA ROUBARAM MILHÕES DE REAIS E AINDA GANHARAM AUMENTO ENTÃO NADA MAIS ME SURPREENDE.

    QUE VERGONHA !!!!!!!!!!!

Comente