Uncategorized

Palácio do Planalto trabalha para blindar ministro do PSB

O Palácio do Planalto vai trabalhar para preservar o ministro Fernando Bezerra (Integração), como forma de não ampliar o saldo de ministros que deixaram o governo Dilma Rousseff, informa reportagem de Natuza Nery e Leandro Colon, publicada na Folha deste domingo (íntegra disponível para assinantes do jornal e do UOL, empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha).

A orientação para blindá-lo tem dois pressupostos. A tentativa de resistir ao que é considerado pelo governo como uma campanha para derrubá-lo, às vésperas da reforma ministerial, e o temor do desgaste com o PSB, partido do ministro.

Ontem, a oposição pediu explicações sobre o privilégio que o ministro deu ao seu filho, o deputado federal Fernando Coelho (PSB-PE), na liberação do maior volume de emendas parlamentares da pasta em 2011, conforme a Folha revelou na edição deste sábado.

Coelho foi o único congressista que teve todo o dinheiro pedido empenhado (reservado no Orçamento para pagamento) pelo ministério (R$ 9,1 milhões), superando 219 colegas que também solicitaram recursos para obras da Integração.

“Isso não é normal. Ocorreu um privilégio e isso tem de ser explicado. Como o Congresso vai reagir? Os partidos todos vão querer saber por que houve esse privilégio”, disse o presidente do DEM, senador José Agripino Maia (RN).

Em nota, o líder do PSDB na Câmara, Duarte Nogueira (SP), também pediu esclarecimentos ao ministro da Integração e avisou que pretende protocolar um requerimento de informação.

O presidente do DEM e o líder tucano ainda responsabilizaram Dilma Rousseff pela crise envolvendo a liberação de recursos na pasta.

5 Comentários

  1. TUDO QUE BLINDA-SE EXPLODE! A DE TANTOS RUMORES É IMPOSSIVEL FAZER SEGREDOS DE COISAS QUE ESTÃO ABERTAS PARA SEREM AS VISTAS DIANTE O PUBLICO INTERESSADO A VER QUEM GANHA MAIS COM OS PRIVILÉGIOS AOS QUE ESTÃO RECEBENDO PARA PAGAR CONTAS ELEITORAIS COM FAVORES DE ORDEM DIRIGIDA A QUEM ESPERA DEVOLUÇÕES; A PRESIDENTA FOI ASSADA DIANTE AOS PEDIDOS DE GRANA DIRETA; PASSARAM A LABIA NELA E ELA SE NEGOU DIZENDO QUE NÃO TINHA MAS EM SEGUIDA AGIU COMO SA FOSSE DONA DO PEDAÇO; SE MANDA NO MINISTRO E ESSE REPASSA SEM QUE SEJA OLHADO A OUTROS QUE ESTEJAM TAMBEM EM PIORES SITUAÇÕES; MAS QUEM ESTA NO MANDO É VINDE AMIM O VOSSO REINO E O RESTO QUE SE EXPLODA!!!!

  2. Esta atitude chamada de blindar está sendo largamente usada desde
    o governo Lula. Deveria ser chamado de criar “carapuça” pois blindar
    é chique demais para esta turminha sem vergonha !!!

  3. Aproveitando a blindagem, do governo Federal, nos consumidores de Curitiba, gostaríamos de entender, o por que , nada é feito com a relação a corrupção que anda a solta no Ipem do Paraná, diretores que acobertam os desvios nas balanças do Porto de Paranaguá no Governo anterior, são os mesmos das fraudes nas bombas de combustíveis, denunciadas pelo Fantástico , no programa de ontem ,no Ipem do Paraná todos gatos e ratos já sabiam das fraudes desde do ano passado, sendo que a Direção não tomou nenhuma providência para corrigir estes abusos até, a semana passada, quando ficou sabendo da reportagem em curso, pela tv rede globo, fez blitz, só para ingles ver pois os donos dos postos já estavam informados das operações, MPF, MPE, POLICIA FEDERAL , o povo do Paraná precisa da proteção.e da sua salvação .

  4. CAÇADOR DE PETISTAS Responder

    Método usado por Lula nos 08 anos de Governo, continuado pela companeheira Dilma, a seu comando.

  5. Os bandidos sempre vão se proteger,vejam o caso do lula o maior ladrão que ja existiu no Brasil.

Comente