Uncategorized

Racha na representação dos policiais civis. Sinclapol e Sindipol denuncaim o Sipol

O Sinclapol e o Sindipol comunicam à praça que o Sindipol não existe porque não tem carta sindical. O que segue é o comunicado à imprensa do Sinclapol.

Comunicado oficial à imprensa

Para efeito de esclarecimento à imprensa e aos veículos de comunicação, o Sinclapol (Sindicato das Classes Policiais Civis do Paraná) e o Sindipol (Sindicato dos Policiais Civis de Londrina e Região) são as únicas entidades regularmente registradas no Cadastro Nacional de Entidades Sindicais (CNES), com legitimidade de representação, defesa e proteção dos direitos e interesses coletivos ou individuais dos trabalhadores da classe de base da Polícia Civil, no estado do Paraná. Em contraposição às normas legais e o despeito à unidade sindical, a associação denominada Sipol (Sindicato de Investigadores de Polícia do Paraná) vêm, por meio do seu presidente, Roberto Ramires Pereira, em verdadeira usurpação de representatividade, atuando de forma precária, irregular e ilegal, com o claro intuito de confundir e desorientar a população, as autoridades legais, a imprensa e principalmente a Classe Policial Civil. Essa entidade, o Sipol, não possui Carta Sindical ou qualquer autorização legal para o exercício de atividades de representação sindical. Portanto, não detém autonomia legal para falar em nome e de forma representativa dos policiais de base da Polícia Civil do Estado do Paraná, mediante à imprensa ou veículos de comunicação.

André Gutierrez

Presidente do Sinclapol

34 Comentários

  1. Vigilante do Portão Responder

    Pior foi a entrevista do representante da Assiciação da PM.

    Um soldado PM deveria estar ganhando R$8mil.
    Queremos a reposição das perdas dos últimos 10 anos…

    KKKKKK

    Qual estado da federação paga R$8mil para um soldado PM?

    Caso ele ache algum, pode me dizer, eu faço o concurso.

    Mais,

    “perdas dos 10 últimos anos?”

    Passaram os anos Requião SEM RECLAMAR, agora querem que o Beto pague a diferença.

  2. Não existe racha. O q é certo e está sendo esclarecido é q o sipol não existe. Tem 10 pessoas q falam por ele e ele nem reistrado está, então a imprensa não pode divulgar palavras deste sindicato q não existe como se fossem de policiais civis.

  3. PARANÁ DA VERDADE
    Associações da Polícia Militar manifestam apoio a Osmar

    O senador Osmar Dias, candidato a governador pela coligação Paraná da Verdade, conta com apoio de instituições que representam 30 mil policiais militares do Estado. A manifestação ocorreu no Comitê Central da campanha, em Curitiba, que contou com a presença dos coronéis da reserva Eliseu Ferraz Furquim, presidente da Associação de Defesa dos Direitos dos Policiais Militares e Pensionistas; Eugenio Semmer, presidente em exercício da Associação da Vila Militar; Dirceu Rubens Hatschbach, da Associação dos Oficiais Militares Estaduais; e José Bonifácio Marcondes Batista.
    De acordo com Furquim, Osmar Dias tem uma história de respeito e seriedade no trato das questões públicas. Segundo o coronel, hoje há uma grande insatisfação dentro da Polícia Militar. “A corporação está marcada pela desconsideração do governo atual com uma instituição que serve o Paraná deste 1854. Vários oficiais passaram para a reserva, mesmo em condições de continuar na ativa, para não ficarem sujeitos a constrangimentos. São situações que prejudicam a integração dos serviços de segurança”, disse.
    Para Osmar Dias, o governo do Estado precisa recuperar a sua credibilidade internamente, tratando com respeito instituições que representam o funcionalismo e, externamente, junto à comunidade. “Vamos fazer um governo com base no diálogo e no respeito, adotar um jeito novo de governar”, afirmou, destacando que a segurança pública é uma das prioridades de seu governo.
    Segundo Furquim, há problemas característicos do setor que já poderiam estar resolvidos. Entre as queixas está o fim da paridade salarial entre as polícias Militar e Civil. “Nos últimos anos acabou a paridade, criando um grande descontentamento na PM. Essa insatisfação extrapola os cerca de 30 mil policiais da ativa, inativos e pensionistas, atingindo 150 mil pessoas em todo o Estado, considerando a família de cada policial”, acrescentou.

  4. Quando coronel serpa era Secretarario da segurança não me lembro de ver essa choradeira da pm. Corporativismo tem limite.

  5. Amigos, vou expressar em rapidas palavras, o sentimento geral da PM…

    1) Nos, pracas da PM, que representamos 80% do efetivo da corporacao, não nos sentimos representados por certas associações de classe (leia-se AMAI E AVM), as mesmas sao comandadas por oficiais e geralmente fazem jogo duplo com os policiais e o governo ( todo mundo sabe, que o sonho do Coronel Elizeu é uma mamata no governo),

    2) As respectivas associacoes, elaboraram uma tabela ridicula, com o valor do salario do soldado em R$ 8000,00 (diga-se de passagem, que o cargo de procurador do Estado, inicia-se com R$ 8000,00), ou seja, o governo vai rir da nossa cara. Porque os “senhores feudais” da PM, nao elaboraram um valor mais coerente, algo em torno de R$ 4000,00…. que é um valor que nos sabemos que o governo pode pagar…..

    3) Olha que interessante…. Ano 2010, periodo eleitoral, adivinha quem era o chefe de seguranca do atual governador? Se vc respondeu Major Helio, BINGO!!!! Só que na ocasião, o exmo sr Major, era um dos integrantes da AMAI!!!! E hoje, ele é o Sub chefe da CASA MILITAR!!!!! Caramba, sera que da pra acreditarmos nessas associacoes?

    4) O Major Hélio vai na AMAI, quase todo santo dia, faz uma pressao na cabeca dos PMs, agita todo mundo…. Depois ele volta no Palacio e quer colocar na cabeça do governador que a tropa esta em polvorosa, quer sair como o salvador da Patria….

    Aguardem novidades, começarei a relatar tudo o que acompanho no dia a dia do Palacio do governo, em especial a mediocridade dos chefes da PM e da CAsa MILITAR!!!!

  6. Vigilante do Portão Responder

    Continuando no tema segurança.

    O último final de semana foi dos mais violentos na Capital e região.

    Pois é,

    Na segunda-feira, dezenas de viaturas da PM, do COPE e do CHOQUE cruzavam as ruas da cidade; Imaginei que estavam fazendo um pente fino nos locais dos crimes.

    Qual nada, faziam batidas em lotéricas, perseguindo os perigosos donos de banca de jogo de bicho…

    Na Praça Carlos Gomes, um carro do CHOQUE, com policiais armados de escopeta, colocavam algumas máquinas de caça-niquel na viatura.

    Enquanto isso, os assassinos do final de semana, ficam tranquilos….

    Moral da história:

    PPerseguir bandidos asassinos, é perigoso, melhor fazer ação “espetaculosa” e preneder algumas máquinas de jogo e ddonos de lotéricas….

  7. Policial Frustado Responder

    Divisão na Classe da Polícia Civil de Base?

    A unica divisão que está visivel é que o Sinclapol virou base aliada do Governo e o outro pretenso Sindicato SIPOL é formado por policiais que não aceitaram essa condição.
    Na minha opinião os tres Sinidcatos Sinlapol, Sindipol Londrina e o SIPOL não representa a classe pelos seguintes motivos:
    Pelo SIPOL não exite previsão legal, entretanto o Poder Público não tem legitimidade de proibir o funcionamento do Sindicato.
    Ja o Sinclapol e o Sindipol falta é credibilidade e moral, para falar em nome da Classe tão sofrida. É lamentável vê que os Sindicatos encontra-se nas mão de pessoas articulosas e de carater duvidoso., os quais buscam interesses proprios.

  8. Atenção ao que o Rambo falou.
    Ele parece o mais sensato nessa história toda.
    As entidades difícilmente representam suas classes.

  9. Para colocar a PM dentro função constiutcional novamente, e proporcionar a volta da hierarquia e disciplina, seria condizente o retorno dos Coronéis do Exército. Que saudade do Coronél Dirceu Ribas, hoje General na reforma.Este colocaria os coroneiznhos da PM em seus devidos lugares.

  10. Depois vem um fanfarrão da tal APRA sgt Fontoura, vem a publico convidar Pms apara fazerem um manisfesto juntos com a PC, sendo que esse sidincato é 171,,rsrsrsrsrs. Que vacilão você em Fontoura..Nunca na historia do paraná PM e PM vão se unir, ambos trabalham diferentes, é como o Tom e o Jherry, vejamos o exemplo, Pms capturam elemento com 50 pedras de crack, Delegado autua o mesmo por porte de drogas rsrsrsrs. Pms capturam dois indivíduos com arma de fogo, PC liga para Delegado para lavrar o flagrante, delegado diz que foi em uma festa de amigos e esta cansado, irá após as 08h00, sendo que o flagrante teve inicio as 01h00 da manhã. Fato este comprovado no 2ºDP. agora abram o olho com essas falsas entidades.

  11. Cap. Mendez disse: janeiro 6th, 2012 às 20:07
    Agora entendam! o governo aumenta o salário conforme recursos em caixa. Se fizerem as contas, pelo número muitíssimo grande de policiais da ativa, reserva e pensiovistas, se viesse um aumento para uns 4.500 pro soldado e para os outros um outro valor calculado, daria uma despesa adicional de uns 70 a 100 milhões para o Estado. Vcs acham que isso é possível???
    Vcs dizem: o Capitão ganhou 4 mil de aumento e o Soldado 400. Mas nao pensam que na pm existem nem 700 oficiais contando ativa e reserva. Capitao, major e coronel devem somar uns 200 no máximo. Ativa, reserva e pensionista deve somar uns 100 oficiais. Já os praças, no total deve somar mais de uns 20 mil (ativa, reserva e pensionistas).
    Ou seja, é algo pra vcs usarem essas cabeinha impensantes.
    200 (capitães) X 4 mil = 800 mil 20.000 (praças) X 400 = 8 milhões
    Ou seja, se não dermos o aumento acima para o capitão, cada praça terá um aumento de 40 reais no seu salário. Que engraçado, não?
    Tá, vcs vão falar que político ganha quase 100% de aumento. Gente, não adianta discutir. Temos um país corrupto e ponto. Outra coisa: temos poucas dezenas de deputados e vereadores. Esses aumentos pouco influenciam o caixa.
    NÃO TEM TANTO DINHEIRO DESTINADO A SEGURANÇA! Contentem-se com o que vier. Só este aumento vai ultrapassar os 10 milhões. Os 150 milhões anunciados outrora eram para investimento em segurança. Podem ter certeza que com esse valor nao se consegue nem compra viatura descente, muito menos equipamentos. Quem dirá salário!
    Para finalizar: LARGUEM A IGNORÂNCIA! VCS VÃO GANHAR CONFORME O QUE SE TEM EM CAIXA! PAREM DE FALAR NOS OFICIAIS, AFINAL SE ELES RENUSCIAREM SEUS AUMENTOS, O REFLEXO NÃO SERÁ EM NEM 60, 70 OU 80 REAIS NO SALÁRIO DE CADA PRAÇA. ISSO MESMO!!!
    Querem uma dica? ESTUDE! não digo para ser oficial, mas para qualquer concurso em que vc se sinta digno, honroso e satisfeito com o salário.
    Cap. Mendez disse:
    janeiro 6th, 2012 às 20:09
    “Vcs dizem: o Capitão ganhou 4 mil de aumento e o Soldado 400. Mas nao pensam que na pm existem nem 700 oficiais contando ativa e reserva. Capitao, major e coronel devem somar uns 200 no máximo. Ativa, reserva e pensionista deve somar uns 1000 oficiais. Já os praças, no total deve somar mais de uns 20 mil (ativa, reserva e pensionistas).”
    2º parágrafo – corrigido para 1.000 oficiais

  12. A Carta Sindical é um documento de trâmite sobremaneira demorado, o pedido do documento está devidamente registrado pelo SIPOL.

    Contudo, a legitimação de uma entidade de representação se dá pelas suas ações afirmativas, pela sua luta e pela conquista da confiança de seus representados. Com menos de 1 ano de existência, o SIPOL atuou e atua em várias frentes no interesse da categoria que representa.

    Não obstante a propalada “não existência”, em outubro de 2011 o próprio Secretário de Segurança Pública recebeu a diretoria da entidade em seu gabinete, reiterou por mais de uma vez que nos reconhece como entidade de representação e conversou longamente conosco, a matéria está em nosso site.

    Participamos ativamente, todos os meses do Fórum dos Servidores Públicos, que culmina ao final de cada mês em uma reunião com o Secretário da Administração e Previdência, que também nos recebeu particularmente em seu gabinete.

    Juntamente com os componentes deste fórum, fomos recebidos pelo próprio Governador do Estado, quando de uma manifestação dos servidores em frente ao palácio no dia do funcioalismo público.

    Afora isso, a SEAP concedeu ao SIPOL o desconto da contribuição sindical em folha de pagamento… é, até que para quem “não existe” estamos tramitando muito bem na esfera do Poder Executivo.

    O internacionalmente renomado jurista René Ariel Dotti, dispensando seus honorários advocatícios em razão de considerar de relevantíssimo valor social a matéria contra a unificação de carreiras, elaborou para estes “inexistentes” um parecer de 21 páginas…

    O Procurador Geral do Estado, também abriu as portas de seu gabinete ao SIPOL, para ouvir com atenção seu pleito.

    Estivemos visitando delegacias em toda a capital e região metropolitana, e em todas os policiais vieram se imiscuir nos debates propostos.

    Enfim… são muitas ações para menos de 01 ano de fundação e com escassos recursos.

    Curiosamente, no entanto, a pergunta que realmente não quer calar é: se o sinclapol faz tanta questão da carta sindical para admitir a existência efetiva de um sindicato, por que então apoiou formalmente a chapa vencedora da última eleição do SIDEPOL – Sindicato dos Delegados de Polícia – , sendo que esta entidade também não tem ainda carta sindical???????????????

    ???????????????????????

    Ana Moro – Investigadora de Polícia

    Vice-Presidente do SIPOL Paraná

  13. Em tempo: nos recebeu o Procurador Geral de Justiça do Estado, Dr. Olympio de Sá Sotto Mayor, não o Procurador Geral do Estado.

  14. Honestamente eu não entendi, a matéria é sobre um racha nos sindicatos da PC e alguns PMs entraram no assunto para criticar suas associações e/ou lideranças classistas.
    Para aqueles que criticam a AMAI, só tenho a dizer 16.000 sócios, dos quais 13.000 praças, que participam de ações coletivas por direitos e são dignamente representados nas lutas da categoria, diga-se que o subsídio é idéia e criação do Cel Furquim, que não é candidato a nada e não quer cargo no governo.
    Em tempo não ganho para defendê-lo.
    Lantmann

  15. A ideia do sbsidio foi do Cel Furquim? Acho que o Sub Lantmann deveria se atualizar um pouquinho, pois a “ideia” do subsidio ja existe desde 1998, com a emenda 19 da CF!!!! Nos policiais de verdade, que estamos na rua, reinvindicamos esse subsidio a um bom tempo. Ok? E quanto a AMAI, saibam todos que e uma associacao que vivvve jogando nos dois times…. Entenderam??? Jogando nos dois times…. E so acompanhar os desdobramentos das atitudes da mesma frente ao governo… Pois infelizmente, nessa associacao ninguem defende interesse de policial nenhum, somente os interesses da “Diretoria”….. aguardem!!!! Comecarei a enviar ao blog da Joice e tambem ao Campana certos audios de reunioes da referida associacao…..

  16. VEJAM SE TEM CABIMENTO UMA MINORIA DE SEMI ANALFABETOS UNS 700 MAIS OU MENOS( oficiais pms )GANHAREM 17 MIL REAIS MENSAL,NAO POR COMPETENCIA DE SUBIREM DE POSTOS ATRAVES DE SEREM CAPAZES E SIM POR SEREM BENEFICIADOS COM LEIS IMPERIALISTAS DE DECADAS PASSADAS,TODOS OS PRAÇAS E TB A POPULAÇAO TEM CONHECIMENTO QUE A MAIORIA DE NOSSOS OFICIAIS TEM DESVIO DE CONDUTA A MAIORIA POR HOMOSSEXUALIDADE,ONDE SAIU NA IMPRENSA O FATO QUE ESTA NA BOCA DE TODOS O BATALHOES QUE UM MIXE (aqueles bombados noiados que fazem programa homossexual) TOMOU A PISTOLA DA PMPR QUE ESTAVA SOBE CAUTELA DO CEL. E AINDA DEU UNS TAPAS NESSE CEL.DENTRO DO SEU HONDA CIVIC NAS IMEDIAÇOES DA PRAÇA OSORIO,HOUVE IPM,HOUVE NOTA NA IMPRENSA,CLARO QUE NAO HOUVE,SAO PESSOAS INCAPAZES E SEMI ANALFABETAS QUE NAO LUTAM POR SEUS SUBORDINADOS,E QUEREM SE POSTAR DE SERES SUPERIORES,QUE HONRA QUE EXISTE EM SER FRACO E COVARDES MAS POR CAUSA DO ESTATUTO SE POSTAR DE SUPER HOMEM SE TODOS NOS SABEMOS QUE OS OFICIAIS SAO INCAPAZES.

  17. Sobre representação sindical.

    Vem expresso no art. 558, da CLT:
    “São obrigadas ao registro todas as associações profissionais constituídas por atividades ou profissões idênticas, similares ou conexas, de acordo com o art. 511 e na conformidade do Quadro de Atividades e Profissões a que alude o Capítulo II deste Título. As associações profissionais REGISTRADAS nos termos deste artigo PODERÃO REPRESENTAR, perante as autoridades administrativas e judiciárias, OS INTERESSES INDIVIDUAIS DOS ASSOCIADOS RELATIVOS ÀS ATIVIDADES OU PROFISSÃO, sendo-lhes, também, extensivas as prerrogativas contidas na al. d e no parágrafo único do art. 513.

    Art. 516 – Não será reconhecido mais de um Sindicato representativo da mesma categoria econômica ou profissional, ou profissão liberal, em uma dada base territorial.

    Verificando no site do Ministério do Trabalho e Emprego podemos ver que existe a solicitação sob análise da referida associação.

    http://www3.mte.gov.br/sistemas/CNES/usogeral/Resumo.asp?NRRequerimento=SC11395

    Podemos também observar que no mesmo sitio é orientado que, quando a entidade não possui o registro não pode representar legalmente a categoria pretendida.

    http://www3.mte.gov.br/sistemas/cnes/UsoGeral/EntendendoCnes.asp

    Cadastro Inexistente
    1) A entidade possui registro sindical, mas não procedeu a atualização sindical;
    Estas entidades devem realizar a solicitação de recadastramento, para que possam elaborar e depositar instrumentos coletivos no Sistema Mediador, conforme Instrução Normativa nº 09, de 05 de agosto de 2008.
    2) A entidade não possui registro sindical, pois sua solicitação encontra-se em análise.
    Estas entidades ainda não possuem personalidade sindical, portanto não podem negociar nem representar legalmente suas categorias pretendidas, até a publicação de seu registro.

    Para quem deve cumprir a lei este pessoal já começou errado, talvez pela influência maléfica de alguns dos diretores que respondem a processo ou foram condenados criminalmente.

  18. Eu não entro nesta de outro sindicato.
    Basta colocar o nome do secretario geral do sipol para ver quem ele é.
    Se a classe pesquisar no mocha o nome dos diretores vai ver.
    To fora
    Sindipol e Sinclapol é quem representa a classe e é neles que os tiras confiam.

  19. Sindipol Londrina e Sinclapol tem CNES – Registro Sindical no Ministério do Trabalho. Por isto é que a classe se apoia neles que tem demonstrado competência e seriedade.

    Os outros? Não representam niguem, além deles mesmos.
    Basta ver o que diz o STF.

    Em tempo: Já que foi citada a legislação vejamos o que diz o STF

    “Ausência de legitimidade do sindicato para atuar perante a Suprema Corte. Ausência de registro sindical no Ministério do Trabalho e Emprego. Necessidade de observância do postulado da unicidade sindical. Liberdade e unicidade sindical. Incumbe ao sindicato comprovar que possui registro sindical junto ao Ministério do Trabalho e Emprego, instrumento indispensável para a fiscalização do postulado da unicidade sindical. O registro sindical é o ato que habilita as entidades sindicais para a representação de determinada categoria, tendo em vista a necessidade de observância do postulado da unicidade sindical.” (Rcl 4.990-AgR, Rel. Min. Ellen Gracie, julgamento em 4-3-2009, Plenário, DJE de 27-3-2009.)

    “Até que lei venha a dispor a respeito, incumbe ao Ministério do Trabalho proceder ao registro das entidades sindicais e zelar pela observância do princípio da unicidade.” (Súmula 677) STF.

    Quem está certo o STF ou os aventureiros sindicalistas?

  20. O Senhor Sr. Fábio Campana, viu a manifestação na Boca Maldita está manhã, parece-me que este sindicato contestado, reuniu setores e fez uma grande manifestação, inclusive parece que são filiados a CUT. Se o Sr. é imparcial como seu blog sempre mostrou, mostre esse outro lado. Ademais se fosse um sindicato do LUPI já teria carta Sindical, se esse requisito for colocado em prática pouquissimos sindicatos sobraram, a liberdade sindical é uma meta dos trabalhadores, essa é a última reforma na clt que ainda é varguista.

  21. Pelos comentários acima parece que o novo sindicato da Polícia Civil está incomodando.Quais seriam as razões do incômodo?
    É preciso fazer uma análise mais profunda sobre o assunto.
    Muitas pessoas usan associaçoes e sindicato para empregarem familiares, conseguirem emprego para parentes,desviar recursos dos associados, obeter vantagens diversas, enfim vender a categoria dos trabalhadores.
    Jorge Ribeiro

  22. Então tem que aprender caro amigo que a legislação em fóco é a EC.45/2004 – que retira da Justiça trabalhista o direito de intervir no Sindicalismo Estatutário, ou seja de servidores públicos. A Polícia Civil ao que me parece é estatutária. Então mesmo essa decisão do STF parece não obstar a existência de sindicatos e nem mesmo discipliná-las. Depois dessa, recomenda-se a economia de um milhão para a compra da Carta com o grupo “varguista do LUPI”.

  23. Quantos policiais civis tinha nesta manifestação do sipol?
    Somente os que se intitulam diretores dele.
    Toda a grande massa era da PM que tem que lutar pelos seus direitos mas se cuidarem com estes aventureiros.
    Quem estava lá mesmo? Que central? São filiados? Como se não é sindicato?
    Por isto sou legalista, pois basta ver a lei posta que este pessoal vai por água a baixo.

  24. Será que o “legalista” estava na manifestação??? rsrsrs…

    Enquanto se preocupam com o SIPOL, ele age de fato, seus diretores não ficam só tomando cafezinhos em salas com ar condicionado.

    Atitude incomoda muita gente… sobretudo os inertes.

  25. Jose Antonio Pinguelo Responder

    O Sinclapol e o Sindipol existem há anos e vem defendendo as classes policiais de base da Polícia Civil, com brilhantismo, cujos objetivos e sem duvida a melhoria de trabalho, condições de vida digna e de respeito pela sociedade para com as classes policiais. Quando ao SIPOL o que sei até então representa apenas os investigadores policiais, o que também tem o meu respeito , pois tenho vários amigos neste quadro Policial, pois durante os meus 22 anos na funções escrivão só fiz amigos e tenho o respeito deles também. O momento é de união e se houve algum contra tempo acredito que este já foi solucionado,.O que acontece e que a maioria dos Invetigadores são contrario a unificação do quadro, ” Escrivão/Investigador” para Oficial de Policia, pois assim teria que atuar no inquérito policial como faz o Escrivão.Ora o que há de errado, trabalhei vários anos na Delegacia de Jaguapitã, que é comarca onde havia apenas o Delegado , Eu e dois funcionários da prefeitura, portando todas as atividades que seriam do investigador, eram feitas por mim, e pelo Delegado ,e no impedimento deste, um dos funcionários municipais auxiliava, tais como escoltas , investigações, atendimento a locais de crime, etc.Tenho certeza que a unificação dos dois quadros, sera benéfica
    para a policia civil e em especial para a população. Peço desculpas se estiver errado, mas todos meus amigos investigadores afirmam categoricamente serem contrario a esta unificação do quadro.Companheiros do SIPOL o momento é de união e não de intrigas ou ironias, vamos ostentar a bandeira da PC, pois só assim seremos vitoriosos . Parabéns Ademilson pelo brilhante trabalho que vem executado a frente do Sindipol em sua terceira gestão.
    Jose Antonio Pinguelo
    Escripol-2ª classe aposentado
    filiado ao sindipol de Londrina

  26. Sidnei Belizário de Melo Responder

    O papel do Sinclapol é: lutar por aumento salarial, buscar condições dignas de trabalho, proteção contra acidentes, acesso a capacitação e formação, contra a extensa e ofensiva jornada de trabalho, apoiando por fim todas as ações que visem à conquista de melhores condições de vida e de trabalho para o conjunto da classe trabalhadora. Isto é, defender direitos e buscar ampliar as conquistas do trabalhador. O SIPOL fajuto acha que os direitos tem um caminho, e criticar o Governo, falar em salários, e promoções o qual seu presidente fajuto foi responsável por uma Ação Popular que pelos caminhos da justiça deva sair a sentença em 2014, até lá nenhum policial será promovido, este e a grande realização do tal Sipol. Enquanto unidos estamos com todas as entidades de classe SIDEPOL – ADEPOL – UNIÃO DA POLICIA CIVIL – SINDIPOL LONDRINA – SINCLAPOL para uma conquista de valorização dos policiais civis junto ao Governo com pedido de antecipação para dia 14 de fevereiro o encaminhamento da tabela e o subsidio, isso e conquista, o resto e politicagem, e insubordinação.

  27. depois da fecha do “cassino” em CTBA o sitio da web do sinclapol ficou fora do ar?
    outra. Vejo notícias muito tendenciosas na web últimamente.

  28. O que aconteceu com site do sinclapol? Parece retaliação por causa da ação policial em Ctba no “cassino”?

  29. Vou me filiar ao Sinclapol, assim poderei colaborar com meu suado dinheirinho para o presidente andar de renault symbol descaracterizado, gastar em cartão corporativo, pagar passagem aérea e hospedagem para si e seus aliados e o outro diretor poder continuar gastando seus singelos R$3.000,00 por mês em ligações do celular do sindicato.

    Tem qui ajudá ozamigo, né?

  30. kkk apoiado o nobre colega, o SINCLAPOL eh um cabide de encosto cambada de parasita, alias houve epoca que acessavam contra-cheques antes q nos mesmos tivessemos acesso. hipocrisia agora ate serie desaparecidos tao copiando, eu sei o q fizeram no verao passado…eh gato cuidando de peixe.GAECO P VCS

  31. E o GAECO Pandora? Quem foi chamado? Uma pena terem arrastado novatos para a desastrada operação.
    Agora tem que segurar a bronca.

Comente