Uncategorized

Decisão do Supremo sobre CNJ pode levar à punição de 15 juízes

A decisão do Supremo Tribunal Federal que manteve o poder do Conselho Nacional de Justiça para iniciar investigações contra magistrados poderá restabelecer 15 punições ou processos relativos a juízes que estavam suspensos por liminares judiciais, informa reportagem de Flávio Ferreira, publicada na Folha deste sábado.

O efeito mais significativo do julgamento de quinta-feira do Supremo deverá ser sentido no Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso.

Por 6 votos a 5, o STF reconheceu a autonomia do CNJ em abrir investigações contra magistrados sem depender de corregedorias locais.

3 Comentários

  1. Cajucy Cajuman Responder

    Ótimo. Em estando com o rabo preso na ratoeira das inconveniências para a posição que ocupam, nada melhor do que resolver a pendenga e começar a moralizar o que se pretende – por alguns – que desmoralizado seja.

    Passar o Brasil a limpo é uma esperança que não pode morrer no coração do cidadão honesto.

  2. O STF só reconheceu a autonomia do CNJ, haja vista o clamor público através da mídia.

Comente