Uncategorized

Vai investigar

O Diário Oficial da União publicou portaria do Ministério da Fazenda que
designa servidores para a Comissão de Sindicância aberta a fim de apurar
denúncias de corrupção na Casa da Moeda. O grupo terá 30 dias para
concluir a apuração.

Segundo da Folha de S.Paulo, o então presidente da Casa da Moeda,
Luiz Felipe Denucci, é suspeito de ter transferido US$ 25 milhões para
duas empresas no exterior registradas em nome dele e da filha.

De acordo com a publicação, o dinheiro viria de fornecedores que
prestam serviços à empresa, vinculada ao Ministério da Fazenda, que,
além de produzir moedas e cédulas, confecciona documentos oficiais e
presta serviços a outros países. Denucci foi demitido no sábado.

2 Comentários

  1. Vigilante do Portão Responder

    KKKK

    Consta que a Casa Civil, ainda em NOVEMBRO/2011, havia informado ao Mantega sobre o probvlema.

    Demoraram 3 meses para abrir uma Sindicância.

  2. Mirian Waleska Responder

    Mas esse governo Dilma ta um verdadeiro jogo de xadrez, o que tinha de peão já comeram tudo, tem ums cavalos ainda na ativa, mas o que eu quero mesmo é ver a queda da torre.

    cheque mate !!!

Comente