Uncategorized

Derosso renunciou

O presidente da Câmara Municipal, João Cláudio Derosso, que estava em licença de mais 90 dias, não suportou as pressões e acaba de renunciar. Aceitou o convite dos advogados e de amigos. Vai continuar a responder ao processo em que é acusado de malversação do dinheiro público na condição de vereador, mas não mais como presidente da instituição.

30 Comentários

  1. Não deveria ter ficado nem no cargo de Vereador.

    O que fazem quando é um pai de família que rouba para dar comida para seus filhos, cadeia, que diferença tem entre um e outro?

    Nenhuma.

  2. O pior é saber que o bando de traíras, bateu palmas com sua decisão. Ser aconselhado por amigos é muuito bom. Pior é olhar nos olhas dos vereadores pidões, que viviam em seu gabinete de presidente pedindo favores e ver em cado um um grande traíra e aproveitador. São todos farinha do mesmo saco, não julgo o Derosso, sem antes ver o que a justiça irá dizer, mas pondero sobre esses vereadores, que viviam na Sapolândia e agora querem possar de limpinhos e justos. Acordo eleitorado, se eles fazem isso com o Grande Amigo, imaginem o que farão com voces.

  3. E O ATUAL PRESIDENTE O SABINO PICOLLI MESMO COM AS DENUNCIAS CONTRA ELE VAI PERMANESER NO CARGO DE PRESIDENTE MUDA SO OS NOMES

  4. Doutor Prolegômeno Responder

    Hoje é o dia da renúncia. Derosso, Teixeira, etc. Poderia haver uma centena de renúncia de políticos e outros tipos. Seria um dia para ficar na história.

  5. Hoje é o dia da renúncia.
    Aqui no Rio o Texeia – o super poderoso – também renúnciou.
    Síndrome de Jânio?
    Quem mais vai renunciar Fábio?
    Alguém tem alguma idéia?
    Só não vale a opinião do birutinha que pirou e não sabe.

  6. Antonio Maciel Responder

    O dia 12 de março de 2012 já é um dia histórico. Neste dia renunciaram o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, e o presidente afastado da Câmara de Vereadores de Curitiba, João Cláudio Derosso. O primeiro, o mais longínguo presidente da história da entidade que comanda o futebol brasileiro. O segundo, o mais longínguo presidente da história da Câmara de Curitiba. É uma coincidência, mas uma FELIZ coincidência, pois ambos representam o atraso, a corrupção, a truculência, a impunidade (essa agora é passado) e o clientelismo, este o pior vício, lamentavelmente impregnado em todos os poderes constituídos, governos nas três esferas, nas estatais, nas universidades, nas entidades ditas sem fins lucrativos, etc, etc.
    NÃO ESQUEÇAMOS JAMAIS DO DIA 12 DE MARÇO DE 2012. UM DIA HISTÓRICO PARA TODOS AQUELES QUE DEFENDEM A ALTERNÂNCIA NOS PODERES E NAS INSTITUIÇÕES.

  7. GESTOR MUNICIPAL Responder

    SE TIVESSE VERGANHA NA CARA RENUNCIARIA TAMBÉM AO CARGO DE VEREADOR.
    ACREDITO QUE ISSO JAMAIS ACONTECERIA COM O “VELHO DEROSSO” (PAI), PORÉM, SE ACONTECESSE TERIA A HONRA E A DIGNIDADE DE SE RENUNCIAR.

  8. Tinha que renunciar ao mandato de vereador, e por fim acabar na cadeia, onde é o lugar de ladrão, principalmente do dinheiro público.

  9. Cajucy Cajuman Responder

    Sem dúvida, ele fez agora, o que já devia ter feito há muito mais tempo. Com a sua renúncia forçada, a sociedade ganhou, ainda que tenha perdido muito em relação aos descaminhos daquela Casa de Leis e suas conveniências.

    Derosso, lamentavelmente, perdeu muito. Em primeiro lugar, perdeu a grife que o nome representava, cuja tradição e conceito fazia parte da herança familiar que recebeu e, tristemente, não soube zelar.

    No jogo político, perdeu o respeito de seus pares, a oportunidade de saltos maiores – como estava previsto ser candidato à vice na chapa de Ducci, nas eleições de outubro próximo e, quem sabe até, no futuro, prefeito, deputado federal, senador, por que não?

    Porém, com as denúncias na imprensa, Derosso tornou-se um empecilho e, como manda a cartilha dos poderosos – e com toda a razão – foi colocado para escanteio, pelo menos temporariamente, pelo governador Beto Richa e também pelo prefeito Luciano Ducci.

    Em outras palavras, foi para o banco de reservas. Pelo menos até às próximas eleições. Depois do veredito das urnas, a tendência é que as aves da mesma plumagem se reencontrem e, quem sabe até, convivam amiúde, no mesmo ninho.

    Para ter uma sobrevida política, Derosso precisaria se reeleger vereador e voltar com uma nova postura. Aquela que abandonou no caminho de glórias passadas, conquistadas com humildade e respeito ao cidadão-eleitor.

    Mas, aí seria pedir demais. Falar em humildade ao destituído do poder, quando este reinava no Parlamento Municipal – embalado pelo apelido da juventude de Príncipe do Xaxim, dada a sua boa aparência, entre outros traços que em muito lembrava às cortes imperiais -, é o mesmo que falar às pedras, tal a dureza de seu coração permeado de poder, glória e bajulação dos que o rodeavam.

    Tudo perdido. Resta tão somente, agora, aguardar a voz do povo e o resultado das urnas em outubro próximo para ter certeza se sua carreira política chegou ao fim, ou se, por obra do destino, terá uma segunda oportunidade.

    Até lá, Derosso terá tempo suficiente para fazer uma boa reflexão sobre o ontem, o hoje e talvez o seu amanhã político…

  10. O povo indignado e ELE fazendo/participando de campeonato de pesca no final de semana em Guaratuba……….não tou nem aí…..

  11. Grande coisa! Pensei que tivesse renunciado ao mandato de vereador.Vergonha na cara nem pensar, né?

  12. O PSDB é bem mais corrupto, até o site do TSE prova isso, é só consultar, está lá para todo mundo ver …

  13. Ops, é amigo do Richa e do Ducci, não? Não falem mal, pois é proibido falar de tucano corrupto na imprensa !

  14. Pouco a pouco os nomes vão embora, minhas netas quando crescerem não ouvirão falar de Ricardo Teixeira, Tarso Jereissati, Marco Maciel, Raul Jungamann, Roberto Freire, Arthur Virgílio, Demóstenes Torres, Agripino Maia, Cesar Maia, Rodrigo Maia, Álvaro Dias, Merval Pereira, Miriam Leitão, Reinaldo de Azevedo, Augusto Nunes, militares indiciplinados comandados por generais baderneiros que quando na ativa bradavam o Regulamento Disciplinar do Exército aos seus subordinados e rezo ao bom Deus que já tenha ido à falência boa parte dessa imprensa corrupta brasileira –

  15. Será que o mundo acaba hoje como diz muita coisa boa para um dia so RT renuncia na CBF agora o Derosso so falta o Beto fazer isso até o fim do dia para fecharmos esse dia com chave de ouro.

  16. Sr.anonimo, não por causa das investigacoes, que ele tem que deixar de viver e nao participar de campeonato de pesca.Deve ter muita gente feliz, mas de uma coisa pode ter certeza se ele fez algo nao fez sozinho, tem muita gente escondida por traz disso.Abre a caixa de ferramenta…

  17. Só um fato triste para o dia de hoje, salvo pros curintias, o Adriano também renunciou…que pena….rssss

  18. Cajucy Cajuman Responder

    Pois, pois…

    Corrupto e canalha tem em todo lugar, faz parte da humanidade. Assim como tem também, da mesma índole, os então chamados de vermelhinhos, barbudinhos e que hoje se transformaram na nova elite da República.

    A elite do charuto cubano, das mordomias, dos carros importados e dos negócios inconfessáveis nos corredores do poder.

    Sem falar ainda, naqueles que caíram do poder, recentemente, por pura bandalheira. Sem esquecer, é claro, do ex-ministro Palocci, o homem dos milhões de dólares de consultorias suspeitas e da quebra do sigilo do pobre Francenildo.

    Estes, juntamente com José Dirceu – aquele cidadão que ficou na luta armada, e que queria implantar no Brasil uma REPÚBLICA DEMOCRATICA no estilo cubano e que depois de trinta anos para chegar ao poder, NÃO CONSEGUIU passar dos três anos na ativa.

    Foi arrancado do ministério de Lula, e também cassado pela Câmara dos Deputados, além de ser execrado pelos brasileiros de boa índole.

    Tais nomes a sociedade brasileira coerente e consciente não esquecerá jamais. Penso até que levarão para o túmulo tais decepções.

    Destaque-se, a bem da verdade, a importância da imprensa brasileira nas denúncias de desmandos de toda ordem, nos quatro cantos do país. Sem ela, às coisas estariam sabe-se lá como…

    Às Forças Armadas brasileiras o respeito de sempre. Em tempo de guerra ou de paz, os Três Poderes são a segurança única que o Estado brasileiro e Democrático pode oferecer ao povo.
    Sem eles seriamos todos massacrados pela bala inimiga. Ou subjugados a serviço de um aventureiro qualquer.

    Está fazendo falta às novas gerações às aulas de Moral e Cívica que tanto ensinou os mais velhos a honrar a Pátria e respeitar os seus símbolos maiores!

    Uma pena.

  19. A CARA DESSE SUJEITO COM AR DE IMPUNIDADE..ESTA ACIMA DA JUSTICA LADRAO..BANDIDO…SAFADO..CADEIA NESSA GALERA..VAO TRABALHAR BANDO DE LADROES.

  20. Eh! Silva Jr. nao adianta o PTZINHO e a falida CUT nao vao ficar la no poder pra vc ter sua boquinha, desista meu filho desista!

  21. Vigilante do Portão Responder

    Derosso,

    ENTREGA o esauema,

    Conta tudo, inclusive sobre aquela verba para os Vereadores que trabalham no Rádio ou na TV.

Comente