Uncategorized

Crise fortalece Paulo Bernardo no governo e afasta Requião

Quem acredita que o ministro Paulo Bernardo saiu chamuscado da crise que culminou com a rejeição de Bernardo Figueiredo para a ANTT, comete equívoco. Figueiredo é da cota pessoal de Dilma Rousseff, com quem trabalhou na Casa Civil.

Quem tornou-se persona no grata em Palácio é o senador Roberto Requião. Ninguém pronuncia seu nome em voz alta para não irritar ainda mais a presidente. Requião conduziu uma campanha feroz contra Bernardo Figueiredo, com a distribuição de dossiês que contém denúncias cabeludas.

14 Comentários

  1. Doutor Prolegômeno Responder

    O ilustre senador – eleito com a menor quantidade de votos do Paraná – entrou numa fria servindo-se de office-boy distribuidor de dossiês. Seu couro, que pouco já valia, agora é negociado por uma dúzia de jaboticabas.

  2. Mas ele é um anjo ! Responder

    Dilma deve muito a ele. Futuro arcanjo, por indicação do padrinho Sarney.

  3. Paulo Bernardo homem de extema confianca da Presidente Dilma…Nao adianta o Requiao chorar….

  4. QUEM VOTOU; ÓÓÓ REQUILEÃO QUE BOLA DE CRISTAL TIVESTES PARA DAR UMA DURA DESSA NO POBRE HOMEM B F AGORA O P B VAI LANÇAR O DOSSIÊ FUI EU QUEM FIZ DO BOB REQ, PROPAGANDA MAL FEITA ESTA SENDO DEVOLVIDA ÁÁ BOLACHADA! QUE SERÁ DE TU LEÃO PASSARÁ A BARATA!

  5. GOSTARIA DE SABER SE ESTE SENADOR É PERSONA GRATA EM ALGUM LUGAR NESTE PAÍS….
    NEM NA CASA DELE!

  6. dilma perdeu meu voto. defender o indefensável bf. então, é tudo farinha do mesmo saco. faxina geral!

  7. Carlos Ernandes Responder

    O Requião deve estar fulo da vida. A mídia nacional não deu uma linha em seu favor no episódio de Bernardo Figueiredo. Na verdade ele queria um holofote de sobrevida na mídia e trabalhar para continuar queimando Paulo Bernardo. Vitória de pirro, pois como office-boy do PMDB foi o laranja de plantão para os interesses fisiologistas dos maiorais da sigla, não obstante, ele, também, um figiologista convicto. Quem sabe o PT paranaense, agora, aprende..

  8. Caro Fábio:
    A propósito, o jornal Valor Econômico traz hoje (pg. A8) uma entrevista de página inteira sobre a demissão do Bernardo Figueiredo.
    Vale a pena dar uma boa olhada. Muita coisa virá à tona, ainda.
    Abs
    Wilson Portes

  9. Mas, desculpe-me, o Requião não mudaria de opinião pra agradar o Palacio do Planalto…

  10. Se a Dilma der cobertura a esses malandros vai ser a primeira vez em mais de vinte anos que o PT não vai receber o voto do Rock e de sua familia nas proximas eleições para Presidente. Requião so fez o que quem gosta do Brasil devia fazer que foi afastar esse Benrado dos cofres públicos.

  11. Lanbari de valeta Responder

    Ao contrario Requião sozinho deu uma intimada na presidente Dilma e deixou meio mundo de boca amarga,e mudou o rumo da indicação da presidenta.O pior que esse senador é igual massa de pão quanto mais batem mais cresce,e com certeza a hora do Paulo Bernardo vai chegar e para os urubus de plantão o senador esta se lixando com a antipatia da Dilma.

  12. O Requião que faz todo mundo de fantoche chegou a acreditar que a Dilma não é mais esperta do que ele. TOMO NO JÓIO REQUIÃO…

Comente