Uncategorized

Paulo Bernardo é moeda de troca?

A decisão do PR do Senado de romper com a base do governo surgiu após uma malsucedida tentativa do Palácio do Planalto em fazer uma troca de ministérios. Há poucos dias, a ministra Ideli Salvatti, das Relações Institucionais, ofertou Comunicações ao presidente da legenda, o senador Alfredo Nascimento (PR-AM), e em troca o PT assumiria o Ministério dos Transportes. Na reunião de ontem com o senador Blairo Maggi (PR-MT) e Nascimento, a permuta não só foi recusada como o PR bateu pé pelos Transportes. O tom subiu e o PR saiu rompido do Palácio. Revoltada por não saber das negociações, a bancada do PR da Câmara anunciou que fica com o governo, por ora.

6 Comentários

  1. Doutor Prolegômeno Responder

    Fica fora, até o estômago começar a roncar com a falta de cargos, verbas e acecipes do poder. Daí, voltam abanando o rabo, como sempre voltam todos os políticos.

  2. FASCISMO EM CURSO. Responder

    O alvo é sempre a imprensa.

    O Senado de Sarney e Requião (o boquirroto ex-governador do Paraná) indica que o rumo do Grotão lulista é o fascismo. Diante de tanta falta de vergonha, dez saquinhos, por favor.

    http://otambosi.blogspot.com/

  3. . Esse caldo MAGGI, cuidado ….
    . Qdo Governador do MT aprontou umas de boas por lá … é ligeiro …
    O Nascimento e o Pagot( lembram?) já sairam do Ministério por ‘passar a mão e dividir com os ‘companhero’ do PR.

    .Estão neste tal de PR por oportunismo …e ‘aproveitismo’.

Comente