Uncategorized

Maioria dos brasileiros está na classe C

Agência Brasil

São Paulo – No ano passado, 2,7 milhões de brasileiros mudaram o perfil de renda, deixando as classes D e E para fazer parte da classe C. Além disso, 230 mil pessoas saíram da classe C e entraram para as classes mais ricas (A e B).

A maior da parte da população (54%) fazia parte da classe C em 2011, uma mudança em relação ao verificado em 2005, quando a maioria (51%) estava na classe D/E. Um total de 22% dos brasileiros está no perfil da classe A/B, o que também representa um aumento em comparação ao constatado em 2005, quando a taxa era 15%.

É o que mostra a sétima edição da pesquisa Observador Brasil 2012, feita pela empresa Cetelem BGN, do Grupo BNP Paribas, em parceria com o instituto Ipsos Publics Affairs.

O levantamento indica ainda que a capacidade de consumo do brasileiro aumentou. A renda disponível, ou o montante de sobra dos ganhos, descontando-se as despesas, subiu de R$ 368, em 2010, para R$ 449, em 2011, uma alta de pouco mais de 20%. Na classe C, houve um aumento de 50% (de R$ 243 para R$ 363).

Enquanto a renda média familiar das classes A/B e D/E ficaram estáveis, na classe C cresceu quase 8%. Mas a pesquisa mostra que em todas as classes houve um aumento da renda disponível, que ultrapassou R$ 1 mil, entre os mais ricos.

“O aumento da renda disponível em todas as classes sociais indica que houve maior contenção de gastos”, destaca a equipe técnica responsável pela pesquisa.

9 Comentários

  1. as pesoas melhoraram eu poder aquisitivo. isto e bom. porem sua educaçao nao melhorou alias piorou, é que para se ganhar “bem” nem sempre e necessário ter uma boa educação.

  2. CAÇADOR DE PETISTAS Responder

    A classe C que hoje representa a maioria dos brasileiros e conciderada áqueles que possuem um carro de aproximadamente R$ 40 mil reais, finânciado em 80 meses. A inventada classe média é aquela que ganha até R$ 3.000,00 por mês, paga finânciamento de carro, paga aluguel, tem seus filçhos estudando em escola pública, não tem plano de saúde e pior, são pessoas que pagam impostos para este governo miserável fazer loby.

    Ésta é a nova classe média inventada pelo PT.

  3. C, DE CALOTEIROS,SÃO AQULES QUE GANHAM R$1400 PAGA R$ 800 POR MÊS DE UM CARRO 1.0 EM 60 VEZES,DESISTE NA QUINTA PARCELA PORQUE NÃO AGUENTA PAGAR,AÍ DA CALOTE,VEM BUSCA E APREESÃO,POR ISSO OS JUROS SÃO ALTOS,POR CONTA DOS CALOTEIROS.CLASSES C e D KKKKKKKKKKKKK,SÓ PRO MULLA MESMO.

  4. Parreiras Rodrigues Responder

    A popularidade petista está estribada na distribuição de bolsas, cotas e no arreganhamento do crédito.

    Nem presta atenção no custo final dos produtos e nos lucros dos bancos e financeiras.

    Se o classe C, contente porque comprou um celular, um carro, viajou prá Maceió, olhar a situação das estradas, da insegurança, da qualidade da Educação dos seus filhos, colocará o cotovelo no joelho e escorará a cabeça com as mãos para pensar um pouco sobre a sua real situação.

  5. Não é o governo que forma caloteiros. São as pessoas, uma minoria de brasileiros.
    Quanto a comprar carro em 60 meses precisam saber como é nos Estados Unidos. Lá ninguém compra carro. Faz leasing, aluga e nunca acaba de pagar. Mas tudo é uma questão de cultura. Não interessa a eles ter a propriedade de um carro, mas sim o conforto de ter um carro trocado anualmente.
    Não há como negar que as classes mais baixas estão melhorando e subindo de vida.
    O que falta ainda é melhorar os salários, pois ainda temos uma cultura patronal de pagar pouco aos empregados e ganhar muito. Mas isso está mudando. Quem paga pouco não está conseguindo empregados. Vejam os anúncios.
    Nunca se vendeu tantos carros no Brasil. A realidade mostra que o Brasil está melhorando para o seu povo. Deixem os mais humildes também ter chances de subir na vida. Não ficar ricos mas viver melhor. Andar de avião, antigo privilégio de uma casta que hoje não se sente bem ao lado de pessoas humildes viajando ao seu lado.

  6. Doutor Prolegômeno Responder

    Isso é uma evidente mentira. Todos sabem que a maioria dos brasileiros está na Classe M.

  7. sergio silvestre Responder

    Não entendo a turma da suásyica ai em cima.
    Será que moram em volta da praça osório,e comem as empadas ai perto do consulado portugues,e sem soltar flatulencias,ficam com prisão de ventre e falam estas barbaridades.
    Já vai para dez anos,e a classe c não quebrou!
    Os meus funcionarios já tem seus carros pagos,moram em casa propria,e reunem toda a semana suas familias para um churrasco.
    Voces vão me dizer,que com um salario de cincoenta dolares,
    no governo das elites,eles eram mais felizes?
    A gente ,para né,acho que voces estão brincando não é verdade!

  8. É incrível ler comentários contra o financiamento de casas e carros a perder de vista…Eles não sabem que é o aumento de consumo que combate o desemprego…E quanto menor o desemprego, mais altos serão os salários…Fiquem tranquilos, em 2014 Dilma Vana Rousseff será REELEITA…

Comente