Uncategorized

Gerson Guelmann na coordenação de Gustavo Fruet

Gerson Guelmann, que coordenou a maioria das campanhas vitoriosas de Jaime Lerner, é o novo membro da coordenação da campanha de Gustavo Fruet.

Guelmann foi secretário chefe de Gabinete de Jaime Lerner na Prefeitura de Curitiba e durante os oito anos de mandato de Lerner como governador. Leva para a campanha de Fruet talento, larga experiência e um currículo vitorioso.

18 Comentários

  1. Talendo; larga experiência e curriculo vitorioso, sozinhos, não valem nada.
    A simples contratação do Guelmann, demonstra que a petezada já despejou um oceano de dinheiro na campanha do Fruitinho.
    Vem chumbo grosso aí! É hora cair matando!

  2. Nunca morri de amores pelo Gerson Guelmann, talvez pelas derrotas impostas por ele. 1988 com Mauricio Fruet, 1992, de novo com o Fruet. 1994 com o Álvaro Dias, 1998 com Requião…
    Agora desmerecer o Guelmann, é coisa de gente sem conhecimento, ou má intencionada.
    Depois da eleição quero ver esses comentários.
    É o cúmulo a gente desmerecer os méritos alheios.

  3. Está com uns 100 kg a menos, e, francamente, que tenha tido a mesma diminuoição na competência (adversário respeitoso)

  4. Gilberto Fontoura Responder

    O Guelmann é super fera como homem de marketing político.Gente séria. Uma pessoa especial . Integro. Uma inteligência que vai se destacar na campanha. Talento de sobra.E ser humano especial. Ganha o time do Gustavo.

  5. O Gerson Guelmann uma pessoa competente, vai somar muito na campanha do Fruet, a coisa ja estava boa para o Fruet agora vai ser de lavada…

  6. Com a indicação do Guelmann na coordenação do Fruet, dá mais uma abalada na estrutura do Ducci.
    Agora que a campanha do Ducci, já fraca, vai pro ralo de vez !!!

  7. Ele é inteligente ,judeu burro nasceu morto…..vai faturar um extra….sabe que vai perder a eleição …ele sabe o que é lutar contra a máquina…fruet não é lerner….perde ,volta para a mídia …..ele ama a mídia….do outro lado fatura jaime lerner
    como ratinho semi- morto….e assim caminha a humanidade….
    O mar recebe a agua do rio….o rio corre para o mar….sempre existirão na política os “patinhos”…neste caso o pato PICLER
    e o pato RATINHO o do programa…..

    PARANA NETO.

  8. Peter Bad Hazar Thess Responder

    Se o homem é tão bom assim, prá que intermediário? Guellmann prá prefeito, uai…

  9. O resultado das urnas será conhecido depois de abertas e nem sempre mostra que as pesquisas estavam certas.
    Em uma disputa apertada, se assim ocorrer em Curitiba, a definição de preferências de formadores de opinião pode ser decisiva. Neste contexto, respeite-se, na capital, o peso de pessoas como Jaime Lerner, que pelo visto, já começou a falar.

  10. O Guelman eh fera, mas dai a dizer q ele se posicinou pela etica eh brincadeira! Seo Gustavo nao tem nada de etico, eh egoista e sem palavra!

  11. ewerton rodrigues de oliveira Responder

    gerson tamos de volta vamos organizar esta cidade como na nossa época , onde não existiam estes burros, asnos poliiticos, que não desfrutam e nem conhecem a nossa cidade, todos de fora se achando os bons de articulações, que merda, vamos fazer curitiba crescer sem estes asnos…. tamo junto.,.,..

  12. Marcos Roberto Responder

    é a dupla gg. que vai dar certo. – tomara que o Gustavo tenha a mesma luz do Lerner. Pois nossa Curitiba está precisando de gente capaz para melhorar as obras arquitetonicas que o Jaime idealizou e efetivou, que ficaram paradas quase no abandono neste últimos tempos.
    Gerson + Gustavo = vitória
    Vamos lá turma.

  13. José Alberto Reimann Responder

    Com atraso, pois reramente leio certas mat´rias, mas hoje a esta hora ao invé de assistir a novela, psseia a vegar em diversos blogs e para minha surpresa li a afirmativa de uma tal de DELEGADO, faz o comentário sobre minha pessoa em relação ao GERSN. 1- Não tive e não tenho a pretena de sequer ensar o que ali fi dit 2- O Gerson, aém de competente ´amig, quer na vida pública,como pessoal, as nossasfamiliais se conhecem nos relacionamos como verdadeiros amigos,3-Se hoje não estou junto com êle na campanha, decorre de fatores pessoais e opções, principalmente pela minha condção de vida e saúde,.4-Não ter nenhuma razão para fazer esta afirmação, mas em vista do aqui postado entendi que seria minha obrigação deixar muito e bm claro que jamais sequer endosso e concordo com o que está dito.
    José Albertoi Reimann.

Comente