Uncategorized

Do deputado Sílvio Costa para o senador Taques:
‘O senhor é um merda’

Comissão marca para os dias 12 e 13 depoimentos de Marconi Perillo e Agnelo Queiroz.

De Roberto Maltchik, O Globo:

O senador Demóstenes Torres (sem partido-GO) confirmou, na sessão desta quinta-feira da CPI do Cachoeira, que permaneceria calado em seu depoimento, por orientação de seu advogado.

Segundo Demóstenes, por lealdade à comissão, ele ontem mesmo avisou que não iria responder às perguntas dos parlamentares. A sessão foi encerrada depois de um debate furioso entre o deputado Silvio Costa (PTB-PE) e o senador Pedro Taques (PDT-MT), que, em questão de ordem, queria que não houvesse agressões verbais ao depoente e que Silvio Costa fosse educado com Torres.

Na abertura da sessão, o presidente da CPI, Vital do Rêgo, marcou os depoimentos informou que os depoimentos do governador de Goiás, Marconi Perillo, para o dia 12, e do governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, para o dia 13.

Logo no início da sessão, Demóstenes deu uma rápida explicação aos integrantes da comissão:

– Anteontem prestei depoimento por mais de 5 horas no Conselho de Ética, cuja pertinência temática é a mesma, em decorrência disso, por solicitação do meu advogado, encaminhamos petição à comissão e comunicamos por lealdade da comissão, que permaneceríamos calados, conforme faculdade da Constituição, uma vez que o meu advogado está providenciando a degravação do depoimento que fiz ao Conselho de Ética, bem como as notas taquigráficas da sessão na CPI. Usarei das faculdades de ficar calado.

O deputado Silvio Costa deu uma dura resposta ao silêncio de Demóstenes:

– O seu silêncio é a mais perfeita tradução de sua culpa. O seu silêncio escreve em letras garrafais Eu, Demóstenes Torres, sou sim membro da quadrilha do Cachoeira. Eu sou sim o braço Legislativo da quadrilha do senhor Cachoeira. Eu vi seu depoimento no Conselho de Ética. Eu mesmo tinha muita admiração. O senhor disse que foi traído. Foi o senhor que traiu os amigos, traiu Goiás, os amigos, ao Brasil. O senhor disse que era carola. Mas se o céu existir, o senhor não vai para o céu. O céu não é lugar de mentirosos, de gente hipócrita. O senhor está calado e eu sei porquê.

Taques rebateu e disse que ninguém poderia ser tratado desta forma.

– Não cabe a qualquer parlamentar expor o outro, mesmo se tratando de uma CPI.

Silvio Costa, então, continuou:

– Ex-futuro senador! O senhor é um hipócrita, um demagogo. O senhor deve ser processado pelo Conar, por propaganda enganosa.

Foi quando, Taques se insurgiu:

– Não me meça com sua régua.

Silvio Costa perdeu o controle, saindo da sessão e dirigindo-se a Taques:

– O senhor é um merda. Um filho da p…

11 Comentários

  1. Doutor Prolegômeno Responder

    Ora, se analisarmos muito bem, chegaremos à conclusão que num vaso sanitário, quem não é urina é merda, assim, a assertiva do eminente deputado corresponde a um dos termos de um silogismo perfeitamente cabível ao caso.

  2. Fabio, diante do descaso e da falta de carater e do comprometimento com que os parlamentares acusados de corrupção zombam e desfazem da inteligencia do povo brasileiro, é que políticos sérios (poucos) como Silvio Costa e Francischini, perdem a paciência, pois os envolvidos acham que estão certos (me reservo ao direito de ficar calado) vão para a PQP, fazem a coisa errada, roubam desviam um monte de dinheiro, que poderia ser usado na saúde, que anda uma m…, onde pessoas morrem nas filas e este Senador de M…, se diz no direito de ficar calado, é Fabio o que falta, é vergonha na cara….

  3. ””’PELO QUE ME LEMBRO, ATÉ HOJE A ÚNICA CPI QUE DEU “CERTO” FOI A DO COLOR, POR CONSEQUÊNCIA AS INVESTIDAS DOS “CARAS-PINTADAS” ..(MAIS POR AZAR NADA ADIANTOU)
    O HOMEM VOLTOU MAIS FORTE É JÁ DÁ UMA DE MORALISTA NO SENADO.

  4. Demostenes já está morto só falta sepultar. O deputado deveria indignar-se com a brindagem ao governador do Rio e a outros politicos, mas falta coragem. Dai este show de demagogia pago com os nossos impostos.

  5. Esse Sílvio é um imbecil. Fez o seu showzinho, que nada contribuiu efetivamente pra CPI, e conseguiu a admiração de uns tontos, que se esquecem que ele está no seu trabalho. Caso alguém fizesse isso no seu trabalho, o que aconteceria?
    Nessa cena eu vi o deputado encarnar o seu colega fictício, no filme Tropa de Elite 2, isso sim…

  6. SYLVIO SEBASTIANI Responder

    FÁBIO, ELE É SILVIO COSTA (português).
    Eu sou SYLVIO SEBASTIANI (Italiano) e com “Y”!

  7. Faço das palavras do deputado, minhas palavras, é um bandido no senado federal e deve ser tratado como tal, e não como senador cargo ao qual não é digno. Chega de canalhice.

Comente