Uncategorized

Quatro brasileiros em lista internacional de corrupção

Da Débora Alvares, O Estado de S. Paulo:

SÃO PAULO – No momento em que os brasileiros acompanham o desenrolar de mais um escândalo de desvio de dinheiro público, o Banco Mundial lança um banco de dados em que cita 150 casos internacionais de corrupção. São diversas ocorrências em todo o mundo. E o Brasil não passa despercebido. Entre os representantes estão o deputado Paulo Maluf e o banqueiro Daniel Dantas.

Batizado de The Grand Corruption Cases Database Project, o projeto reúne informações de casos em que foram comprovadas movimentações bancárias de pelo menos US$ 1 milhão relacionados à corrupção e lavagem de dinheiro. A ideia teve origem em um relatório publicado pelo Banco Mundial no fim do ano passado. Segundo o estudo, a corrupção movimenta cerca de US$ 40 bilhões por ano no mundo.

O banco de dados coloca à disposição documentos e informações dos processos de cada caso, mas não há um ranking dos mais corruptos ou de qual país concentra casos mais graves e onerosos aos cofres públicos.

Entre os brasileiros presentes no levantamento, chama a atenção a dupla aparição do ex-prefeito da capital paulista e deputado federal, Paulo Maluf. Na primeira vez em que aparece no sistema, ele é acusado pelo procurador-geral de Nova York de movimentar US$ 140 milhões no Banco Safra, entre 1993 e 1996. Em outro processo, é acusado de desviar dinheiro de pagamentos fraudulentos para contas em bancos em Nova York e na Ilha de Jersey, no Reino Unido. O assessor de imprensa de Maluf, Adilson Laranjeira, disse ontem que “Paulo Maluf não tem nem nunca teve conta no exterior”.

O banqueiro Daniel Dantas também é citado no banco de dados criado pelo Banco Mundial pelo caso do Grupo Opportunity, em 2008, quando teve US$ 46 milhões bloqueados em contas do Reino Unido. Em nota, o Opportunity afirma que esse relatório é datado de 2008 e está desatualizado. “Em 2008, a farsa da Satiagraha ainda não havia sido desmascarada em toda a sua extensão. Por conta de possíveis erros como esse, o Banco Mundial expressamente não garante a veracidade das informações.”

O fundador e ex-presidente do Banco Santos Edemar Cid Ferreira também aparece na relação. Edemar rechaçou a publicação, alertando sobre a existência de um disclamer – segundo ele, um aviso da própria instituição de que “as constatações, interpretações e conclusões expressas no banco de dados não refletem necessariamente a opinião dos diretores executivos do Banco Mundial ou dos governos que eles representam”.

O caso do propinoduto, que envolveu o ex-subsecretário de Administração Tributária do Rio Rodrigo Silveirinha Correa e outros três fiscais e quatro auditores da Receita Federal, também é citado. “Meu cliente é acusado de corrupção passiva, mas até hoje não foi identificado nenhum corruptor”, afirmou o advogado de Silveirinha, Fernando Fragoso. Segundo ele, o fiscal não tomou conhecimento da citação do seu caso na lista.

13 Comentários

  1. sergio silvestre Responder

    Os quatro são do PT,né colegas que querem a morte do Lula
    Estes são todos defendidos pelo gilmar mendes,o que
    ridinho do PEDRO ROCHA E AFINS.
    Se juntar o que estes quatro deram de prejuizo ao PAIS,
    enchera vagões de dinheiro.
    Então qual é a moral do onipotente gilmar mendes,querer enrolar o LULA em seus devaneios com essa estirpe de ladrões.
    Quando o ministro JOAQUIM BARBOSA disse que o gilmar era quebrador de milho(MEIO USADO NO SERTÃO PARA GRILEIROS DE TERRA)estava certo.
    Ele está no foco destas irmandades que praticam toda forma de roubos.
    Então meu irmão,se hoje o povo come mais,tem casa para
    morar,é que arrefeceu a corrupção.
    Eo que se ve,e a policia livre para agir.
    Mesmo tendo focos espalhados pelo brasil,hoje ainda sobra dinheiro para investir no pobre.
    Antigamente,tudo ia pro ralo,pelas formas de privataria,
    negociatas com bancos e politicos como MALUF,MEGALOMANIACOS.
    No frigir dos ovos,vamos vendo um PAIS caminhar sereno ,rumo ao desenvolvimento do seu povo.

  2. Maria fuxiqueira curitibana Responder

    Nossa e os harps aqui do pr os Ali babas da assembleia e muita gente mais fora os que tem a lavanderia ambulante aqui na nossa Curita

  3. Dantas é da turma do Gilmar Mendes, cachoeira, Demóstenes, Perillo e PSDB. Foi preso 2 vezes e o Gilmar Mendes deu 2 habeas corpus em 24 horas.
    Já o Maluf está sendo disputado tanto pelo PSDB quanto pelo PT em São Paulo, na 2ª-feira vai decidir quem apoiar. Até ontem era Serra e PSDB.
    Os outros 2 são independentes futebol clube.
    Já a Solange faz parte de qual quadrilha tucana?

  4. CAÇADOR DE PETISTAS Responder

    Faltou LULA DA SILVA e seu filho o Lulinha que hoje esta na lista dos homens mais ricos do Brasil. Este é um pais do vale tudo, até roubar, cria empresas fantasmas para obter lucros do governo ainda mais quando o pai é \presidente. O exemplo vem de cima assim como Lula ficou po 08 anos defendendo estes ladrões, causando a impressão de que o crime compensa, o resultado é este. LULA DA SILVA, o maior pilantra do brasil, o pai da corrupção. Pro inferno lula e seus gangsters.

    E viva a libedade de expressão, esta tão detestada pelo PT.

  5. fiscalde realeza Responder

    HELENA

    ESTA FALTANDO SIM FALTA O NOME DO SERRA PSDB DE SÂO PAULO
    J
    OAO ARUDA DO DEM DE BRASILIA

    O MARCONI PIRILO DO PSDB GOIANO

    TARSSO GERESATI DO PSDB DO CEARA

    JOSÉ AGRIPINO DO DEM

    DO TANIGUCHI DO PSDB DE CURITIBA

    EDUARDO AZEREDO DO PSDB DE MINAS

    SERGIO GUERRA DO PSDB NACIONAL
    O PROFESSOR DOS MENSALÔES TUCANOS

  6. É com o PP desse bandido do Paulo Maluf que Serra está se coligando para tentar se eleger prefeito de São Paulo! Deus me livre dessa corja!

  7. Em tempo:

    P/ Ossobuco e Mauro.

    Maluf fechou apoio ao candidato Haddad, do PT, em troca de uma nomeação de um correligionário seu para uma secretaria dentro do Ministério das Cidades, feudo do PP, partido de Maluf.
    E será, ainda – que ironia – aliado de chapa de uma ex-desafeta, a ex-prefeita Luiza Erundina, escolhida vice de Haddad.
    É um “grande” apoio vendido por um “pouco de farelo”.

  8. O” fiscal da realeza”, você deveria fazer jus ao se pseudônimo e fiscalizar a REALEZA DO PODER DA CORRUPÇÂO – o PT, ou melhor, a turma do MENSALÃO e toda a cambada pelegada sindicalistas, o petê criticou tanto os tucanos e prometeu o CÈU, e hoje estamos no INFERNO da MAIOR CURRUPÇÂO brasileira.
    Convivi com petistas, só gostam de poder, status, fama e muito R$R$R$R$$$$$$$$$$$$$$$$$$, porisso posso falar com toda propriedade.

Comente