Uncategorized

TJ nega habeas corpus a ex-chefe de gabinete de Barbosa Neto

O Tribunal de Justiça do Paraná negou habeas corpus para o ex-chefe de Gabinete do prefeito de Londrina, Barbosa Neto, do PDT. Rogério Lopes Ortega permanece preso por tempo indeterminado na Penitenciária Estadual de Londrina.

Sua prisão foi decretada em 1º de maio pela Justiça como resultado de investigação realizada pelo Gaeco e pelo Ministério Público Estadual envolvendo esquema de compra de votos de vereadores da Câmara de Londrina. A denúncia foi feita pelo vereador Amauri Cardoso, do PSDB.

Além de Ortega, seguem presos o ex-secretário municipal de Governo, Marco Antonio Cito, o empresário e amigo de Barbosa, Ludovico Bonatto e o ex-diretor de Participações da Sercomtel, Alysson Tobias de Carvalho.

2 Comentários

  1. QUADRILHEIROS QUE SEGUIAM E SEGUEM ORDENS EXPLÍCITAS DO prefeito “barbosinha” DO PDT E DE SUA ESPOSA. ESTÁ FALTANDO PRENDER O ASSESSOR E SECRETÁRIO “fábio”…

  2. sergio silvestre Responder

    A justiça dependendo do ponto de vista.
    O daniel dantas,por muito mais está solto,o porque da prisão
    somente do rapaz.
    É BODE EXPIATÓRIO?
    Todos querem ver corrupto na cadeia,mas todos!
    prender alguem,só para dizer que alguma coisa está funcionando,ou por que não tem uma defeza condizente,ou
    estamos prendendo por amostra .já que tem demais.
    Ai eu acho cruél e desproporcional.

Comente