Uncategorized

Em Curitiba, mesário
é preso após sair para fumar maconha

Do G1 PR:

Um mesário foi detido pela Polícia Militar (PM), por volta das 9h deste domingo (7), por deixar a sala de votação e sair para fumar maconha. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), ele atuava no Colégio Estadual Eni Caldeira, no bairro Bacacheri, e foi surpreendido pela polícia quando fumava o cigarro de maconha do lado de fora da sala. O presidente da sessão eleitoral precisou intervir e colocar outro mesário.

Ainda segundo o TRE, outro rapaz foi preso por volta das 8h30 por promover boca de urna. Ele estava em um colégio no bairro Tingui e foi levado para o TRE.

Até as 10h40, 32 urnas tinham apresentado problemas no Paraná, cinco delas em Curitiba. Todas foram substituídas.

2 Comentários

  1. Que falta de respeito.Não só por ter deixado a sala de votação,mas por fumar maconha em local público e do estado.Que faça isso na sua residência…

Comente