Uncategorized

Escolas da rede estadual recebem novo mobiliário

Da Agência Estadual de Notícias:

Escolas estaduais dos Núcleos Regionais de Educação de Curitiba, Cornélio Procópio, Jacarezinho, Paranavaí e Londrina estão recebendo nesta semana novo mobiliário. É a primeira etapa da renovação das mesas e carteiras, que beneficiará todos os núcleos ainda este ano. Até dezembro, a Secretaria de Estado da Educação vai entregar 110.752 conjuntos escolares e 10.646 conjuntos de mesa para professores, para 832 escolas da rede estadual de ensino.

Outros 22 mil conjuntos escolares e 550 mesas para professores serão entregues para escolas novas ou com obras de ampliação. No total, serão beneficiados 590.498 alunos. A compra do mobiliário, no valor de R$ 19,4 milhões, é uma ação conjunta entre o Governo do Paraná e o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), do Ministério da Educação.

Segundo o vice-governador e secretário da Educação, Flávio Arns, “esse investimento possibilita que os nossos alunos tenham melhores condições para estudar e os nossos professores realizem o seu trabalho com mais dignidade”.

Para Cristina Filisbino, diretora do Colégio Estadual Paula Gomes, em Curitiba, o mobiliário é um componente importante do processo de ensino-aprendizagem. “Esse investimento vai melhorar a aparência da escola e fazer com que alunos e professores se sintam mais valorizados e também valorizem mais a escola”, afirmou.

A escola vai realizar palestras orientando os estudantes para que cuidem das novas carteiras e mesas, liberando recursos de manutenção para investimento em outras áreas. “Isso é um incentivo para cuidarmos ainda mais da escola”, disse a aluna Jaqueline de Oliveira Thuler, 17 anos, do 2ª ano do ensino médio do Colégio Paula Gomes, em Curitiba.

Allann Cristiann, 13 anos, aluno do 8° ano do Colégio Estadual Avelino Antonio Vieira, em Curitiba, aprovou o novo mobiliário escolar. “É bem mais confortável que o antigo”, disse. Todas as carteiras e cadeiras da escola foram trocados por materiais novos.

“É bem melhor que o outro, que já estava bem velho. Agora vai ser bem melhor estudar”, disse a aluna Polianna Bernardo Costa Neves, 14 anos, do 8º ano.

As mesas também são adequadas para os alunos cadeirantes. “Esse novo material atende a comunidade escolar de modo eficiente, com mobiliário de qualidade, oferecendo conforto aos nossos alunos”, destacou Clodoaldo Vieira, diretor do Colégio Estadual Castro Alves, em Cornélio Procópio.

3 Comentários

  1. Vigilante do Portão Responder

    Hummmm,
    Não gosto dessas aquisições.
    Falta dinheiro para as reformas;
    Não falta grana para esse tipo de compra.

    SUSPEITO, muito suspeito.

  2. Justiça seja feita: o deputado federal Alex Canziani teve participação bem ativa nestas aquisições. Parabéns!!

  3. Em Curitiba, existem escolas da rede estadual, em frangalhos. Carteiras velhas e semidestruídas além de salas e corredores com pintura gasta. A boa qualidade do ensino passa necessariamente por boas condições do espaço físico onde se aplicarão as aulas. Não parece ser esta a visão do governador.

Comente