Uncategorized

Base aliada impede prorrogação da CPI

Do Lauro Jardim:

Depois de se esgueirar, fazer rodeios, mudar o discurso e esgotar a utilidade dos holofotes e câmeras que acompanhavam as sessões, hoje, enfim, a base aliada deu o tapa na mesa e deixou claro: ninguém quer a continuidade da CPI do Cachoeira. Não houve acordo.

O motivo é simples: há na lista dos pedidos de quebra de sigilo pelo menos doze empresas que apresentam risco a governos de PT e PMDB. Por razões matemáticas, sem essas duas bancadas, não há o que ande no Congresso.

Miro Teixeira saiu da reunião suando:

– O que irrita é a demagogia. Há a versão para a plateia e outra a portas fechadas. Quando liga a luz da câmera, todos dançam cancan, jogando as perninhas feito prostitutas e defendendo a prorrogação. Na reunião, a conversa é outra, inclusive por parte da oposição.

7 Comentários

  1. NA CORDA BAMBA Responder

    O velho problema da política brasileira… RABO PRESO !!! e portanto neste
    país nada anda em linha reta a não ser que liquidem com TODOS os políticos
    sacanas…

  2. È sempre assim.
    Nestas ocasiões este bando de VAGABUNDOS sequer faz uma auto crítica se é isto que os seus eleitores querem. Se foi para este tipo de comportamento que foram eleitos!
    VERGONHA!
    Este é o retrato fiel da maioria de nossos políticos que depois de eleitos aderem num piscar de olhos ao clube dos cafajestes.

  3. O que é a manipulação da mídia, a Veja não fala uma palavra sobre os R$ 1,2 bilhões em contratos da Delta com o PSDB de São Paulo.

  4. Talvez queiram ajudar o Marconi Pirillo , que não quer ir a CPMI nem com o Alvaro dias de lado

  5. Com Lula/Dilma envolvidos até o pescoço com a DELTARROLO, estão impedindo a continuidade da CPI o que é uma VERGONHA NACIONAL

  6. E a rafuagem petista não perde tempo! – Imediatamente coloca-se na defensiva dos vagabundos, tentando desqualificar seus denunciantes!
    Esse país está perdido nas mãos dessa quadrilha!

Comente