Uncategorized

MP aponta fraudes em concurso da Câmara de Umuarama

Do G1 PR:

A Justiça determinou o bloqueio de bens do presidente da Câmara Municipal de Umuarama, no noroeste do Paraná, e de outros cinco funcionários da Casa por suspeita de fraude em concurso público realizado em 2008. A decisão foi baseada em ação do Ministério Público (MP) que questionou o concurso em que os cinco suspeitos, que já eram funcionários do Legislativo, foram aprovados em primeiro lugar.

O concurso ocorreu em 2008 após uma licitação para contratar a empresa encarregada de aplicar as provas. Segundo a Promotoria de Justiça do MP, os funcionários aprovados posteriormente foram responsáveis pelos trâmites deste processo licitatório.

2 Comentários

Comente