Uncategorized

Ney propõe reabertura
da fazenda solidariedade para vítimas do crack

Ney Leprevost anunciou na sessão desta quarta-feira da Assembleia que entregará uma série de sugestões a Gustavo Fruet. Uma das ideias defendidas por Leprevost é a reabertura da “Fazenda Solidariedade”, para que a Fundação de Ação Social do Município proporcione tratamento aos dependentes de crack.

“Existe uma epidemia deste veneno no país. O poder público tem que garantir tratamento as pessoas que estão sofrendo com esta doença e fazer com que elas trabalhem na agricultura com o objetivo de buscar a ressocialização”, defendeu o deputado.

Outra proposta que o deputado vai levar ao prefeito que tomará posse em janeiro é para que nas licitações de obras viárias, fique estabelecido que as empreiteiras vencedoras tenham equipe para trabalhar de dia e a noite; respeitando a legislação trabalhista.

“Nossa cidade tem várias obras acontecendo simultaneamente, isto é bom. Mas o trânsito já é caótico e fica ainda mais congestionado. Se passarmos a ter equipes trabalhando também a noite, teremos uma redução significativa do tempo gasto em cada obra”, afirmou Ney.

27 Comentários

  1. Acredito ser uma ótima idéia, todavia a fazenda deve ter uma reformulação total, com contratação de profissionais da área médica bem como na área da administração. Pois nos moldes antigo não atende a atual necessidade.

  2. GRANDE INICIATIVA DO DEPUTADO PORQUE HOJE O ESTADO E PRINCIPALMENTE A REGIAO METROPOLITADA DE CURITIBA CARECE DE COMUNIDADES QUE AUXILIEM NO TRATO A DROGADIDOS.
    PARABENS DEPUTADO, FICO FELIZ POR VER QUE MEU VOTO N

  3. GRANDE INICIATIVA DO DEPUTADO PORQUE HOJE O ESTADO E PRINCIPALMENTE A REGIAO METROPOLITADA DE CURITIBA CARECE DE COMUNIDADES QUE AUXILIEM NO TRATO A DROGADIDOS.
    PARABENS DEPUTADO, A CADA DIA QUE PASSA TENHO A CERTEZA QUE VOTAR NO SENHOR FOI MUITO BOM ,

  4. Corregionário da Região Norte Responder

    Prezado Amigo e Deputado Ney Leprevost, em nome dos moradores da região norte de curitiba gostaria de manifestar o nosso apoio e que o prefeito eleito tenha sabedoria em acatar esta sugestão. Abcs

  5. Boa ideia, desde que realmente haja reformulação da proposta e seja repassada à Política de Saúde.

  6. Parreiras Rodrigues Responder

    …e que paralelamente, o governo assuma a ousadia dum projeto lascado de policiamento na fronteira com os países que nos “ëxportam” drogas, armas e munições. O governo federal não dá a mínima, não sei porque, mas ele sabe, acho.

  7. politico velho Responder

    ué porque nao sugeriu antes pro ducci ou pro beto que ele sempre apoiou??????? pq só agora deputado…..

    publica ai….

  8. maria helena silveira maciel Responder

    Fui diretora da Fazenda Solidariedade, por dois anos, gestão Rafael Greca e fizemos um trabalho ótimo e com excelentes resultados, tínhamos um convenio

    na época , com as Faculdades Positivo , com alunos de administração rural e até plantas medicinais , com aprovação médica e farmaceutica iniciamos com a colaboração dos internos.Havia 300 internos , homens , de várias dependências químicas e o trabalho era o forte para a recuperação, com assistência
    psicológica, social e educacional, tínhamos panificadora, marcenaria,
    artesanato e fabricação de papel, enfim foi realmente uma perda, o
    encerramento e desvirtuamento da Fazenda Solidariedade. È possível
    com bom planejamento e vontade fazer um trabalho exemplar na recuperação de viciados.
    Para qualquer maior informação , meu e mail está à disposição.
    MALALA (brasileira) é como me conhecem.

  9. Ótima proposta ! Poderia propor isso para todo Estado, e como deputado estadual, poderia arrumar o repasse da verba junto ao Governo do Estado, para implantação da proposta !

  10. Poderia lembrar o ilustre deputado de que necessidade recursos, emendas ou proposição ao orçamento, para obras de reforma e adequações as edificações existentes, bem como recursos para funcionamento administrativo e contratação de profissionais especializados. Se isto não acontecer não tem como a FAS, atender a sua sugestão.

  11. Soldado de Deus Responder

    Parabéns Deputado ! Bela proposta. Por favor não deixe o mal absorver a administração pública do nosso país, em todas as suas facetas. Dentro do possível vigia o que puder. Não é fácil. O Brasil precisa respeitar mais os seus benfeitores.
    E que esses sejam de uma cara só. As forças contrárias ao bem sempre estão agindo. FORÇA DEPUTADO LEPREVOST.

  12. Proteu Dela Rue Responder

    Prezado Deputado, sempre o tive em alta conta e consideração, não sei o que está acontecendo, de uns tempos para cá Vossa Excelência tem errado nas suas avaliações, pela sua serenidade não entendi o apoio a Ivan Rodrigues, qualquer homem mediano que visitasse alguns bairros de São José dos Pinhais e contatasse alguns presidentes de associação de bairro saberia que Ivan não ganharia a eleição, só ele é seus apaniguados se auto avaliaram como ótimos. Derrota fragorosa. Sem contar que se tivesse acreditado mais em voce mesmo, o resultado da eleição de Curitiba seria outro, paciencia. Vossa Excelência com a manifestação sobre a FAS está violando o princípio do silêncio obsequioso. Não é hora de se manifestar, porque queiramos ou não Vossa Excelência ficou do lado dos perdedores. Dar parecer e ou se manifestar no momento inadequado é um erro estratégico muito sério, que pode debilitar sua imagem. De resto, continue apoiando os orfanatos, asilos e fundações, faça seu feijão com arroz que terá êxito , no mais tenho certeza que se alçado ao cargo de Secretário se constituirá num bom quadro e fará história pprofícua. Boa Sorte!

  13. Assessoria de Imprensa Responder

    Regina, a proposta é de que as obras durante a noite sejam só nas ruas comerciais. Fique tranquila.

  14. Berenice e Família Responder

    Parabéns, deputado Ney. Sempre defendendo as bos causas. É por isto que nós gostamos de você.

  15. Fernanda do Bairro Novo Responder

    Jovem, inteligente, corajoso, humilde, culto e honesto : Ney Leprevost, o nosso deputado preferido.

  16. PRESERVANDO MERCADO!
    É, tem gente que precisa de usuários vivos, até pra preservar o mercado consumidor. E de outro lado, não fica na mira, disfarça bem em caso se alguma possível suspeita rs rs rs

  17. Parreiras Rodrigues Responder

    Todo mundo ai em riba, se preocupando com a reciclagem dos produto das drogas.

    Nem uma palavrinha a respeito das suas origens, da entrada no país.

    Como a medicina curativa. Essa rende mais.

    Quem liga prá preventiva?

    Ô atraso…

  18. Uma iniciativa boa como esta só poderia ter partido de um jovem competente, preparado e sensível as causas sociais como o Ney Leprevost.

  19. A tal da Malala já quer arrumar uma “boquinha” na prefeitura como tinha na época do Greca.

  20. Vigilância Cibernética Responder

    J C 3Zotti , já detectamos quem é você. Seus crimes ficarão impunes.

  21. Movimento Internet Limpa Responder

    JC 3zotti , gostaria de lembrá-lo que o uso da internet para prática de ofensas pessoais está sendo criminalizada por lei federal.
    Se o IP do seu computador for solicitado ao colunista ele terá que fornecer e você será processado;enquadrando-se em injúria,difamação, calúnia e falsidade ideológica;podendo até ser preso pelos agentes da delegacia de crimes cibernéticos.
    É claro que dificilmente alguém vai perder tempo com um delinquentezinho como você.
    Mas vai que decidem ir atrás…

  22. Anjinho Sem Asas Responder

    Eu gosto muito deste deputado. O padre Reginaldo Manzotti sempre fala muito bem dele.

  23. Gostara de parabenizar o deo. Ney Leprevost pela iniciativa!

    O pedido de reabertura da Fazenda Solidariedade (antigamente conhecida com FREI) é muito importante para nossa sociedade, pois esta instituição pode ajudar muito na recuperação do necessitados curitibanos.

    Eu já tive um familiar recuperado por esta instituição, viciado em bebida(alcolatra), passou alguns meses na FREI e com ajuda conseguiu voltar a sociedade. Lá ele foi muito bem tratado, sendo alimentado, trabalhando em hortas e principalmente respeitado. Lembro que conversei com o diretor da época, se não me engano chamava-se Atum, ele foi muito prestativo e atencioso. Somente com este tipo de trabalho que poderemos ter uma Curitiba melhor.

    Parabéns mais uma vez!!

  24. Caros colégas, a fazenda fechou por incompetenência de 2 pessoas. Chamam-se coronél e ivone,quem-os conhece sabe doque estou falando.

Comente