Uncategorized

Processo redistribuído

Do Lauro Jardim:

Ricardo Lewandowski determinou que seja redistribuída a reclamação que Márcio Thomaz Basto lhe enviou para ter acesso aos votos do mensalão antes da publicação do acórdão.

Como a reclamação de Bastos era contra Joaquim Barbosa, o advogado entendeu que o processo deveria ser enviado ao vice-presidente da Corte, que, por sua vez, sortearia o caso para um relator.

Acontece que, chegando ao STF, a reclamação foi enviada por prevenção para Rosa Weber.

A ministra, ao tomar conhecimento do caso, rejeitou a relatoria, fazendo com que o processo fosse remetido ao gabinete de Lewandowski – o que aconteceu nesta tarde.

Após analisar o caso, Lewandowski entendeu que o processo deveria ser enviado a seu juiz natural, ou seja, um ministro livremente sorteado pelo STF.

Com o vai e vem do processo, a chance do pedido de Bastos ser frustrado é grande, uma vez que o acórdão pode ser publicado antes mesmo de uma decisão sobre sua reclamação.

2 Comentários

  1. CENTRO DO PARANA Reply

    fabio acaba de ser cassado o prefeito de ivaipora carlos gil saiba mais

  2. Constanza del Piero Reply

    Esse Marcos Thomaz Bastos, de reles advogado de porta de cadeia da pelegada petista, dos tempos em que o bando limitava-se a arruaças nos portões de fábricas, tornou-se um dos homens mais ricos do Brasil, graças à ascenção de grau e escala da gang!

Comente