Uncategorized

Pesquisas “equivocadas” decidem eleição na Venezuela

Ora pois, não é só por aqui que os institutos erram feio nas pesquisas de intenção de votos. Na Venezuela, 9 em cada 10 levantamentos apontavam a vitória do candidato do Governo, Nicolás Maduro, com pelo menos cinco pontos à frente do oposicionista Henrique Capriles. No entanto, a abertura das urnas desmontou os “equivocados” prognósticos e revelou a vitória de Maduro por apenas 1,5 % que representa somente 235 mil votos num universo de 19 milhões de eleitores. A pergunta que fica: O resultado seria esse, se os venezuelanos soubessem da verdade antes de ir às urnas?

1 Comentário

Comente