Uncategorized

Gilbertinho vai ao Senado falar do caso Rosemary

Do Globo:

BRASÍLIA – O ministro Gilberto Carvalho, da Secretaria-Geral da Presidência da República, confirmou nesta sexta-feira que vai à audiência da Comissão de Meio Ambiente, Fiscalização e Controle do Senado. O colegiado aprovou requerimento de convite a Carvalho, para que ele preste esclarecimentos a respeito de denúncias de que a pasta que comanda teria conduzido investigação paralela à sindicância realizada pela Casa Civil, a respeito da atuação de Rosemary Noronha, ex-chefe do gabinete da Presidência em São Paulo. O ministro não é obrigado a comparecer.

— Acho absolutamente natural que o Senado faça esse convite e vislumbro, nesse convite, uma forma absolutamente tranquila e muito positiva de esclarecer informações — disse Gilberto Carvalho.

O requerimento solicitando o depoimento do ministro na Comissão de Meio Ambiente foi apresentado pelo senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) e aprovado por cinco dos oito parlamentares presentes à sessão. De acordo com o pedido, o ministro terá de dar explicações sobre a suposta interferência, a pedido da presidente Dilma Rousseff, na apuração conduzida pela Casa Civil, conforme reportagem publicada pela revista “Veja”.

Segundo a revista, a Secretaria-Geral da Presidência teria solicitado documentos levantados pela Casa Civil e tentado interferir na sindicância. Rosemary Noronha, amiga próxima do ex-presidente Lula, foi afastada do escritório após a deflagração da operação Porto Seguro, da Polícia Federal. Ela é acusada de usar o cargo para tráfico de influência e enriquecimento ilícito. Rosemary foi investigada pela Operação Porto Seguro.

Ele informou, durante cerimônia da nova Diretoria do Conselho Nacional da Juventude nesta sexta-feira, que a data de sua presença na comissão ainda será marcada. Segundo ele, o convite foi “democrático”, mas a informação veiculada pela revista Veja é “falsa”.

— O órgão de acompanhamento da Secretaria-Geral apenas cumpriu seu papel de correição, exatamente de zelar para que o processo instalado corretamente na Casa Civil fosse feito de modo a não oferecer alternativas que depois pudesse ser contestado na Justiça — explicou. — Foi essa a nossa única e exclusiva preocupação — completou.

6 Comentários

  1. E daí fofoqueiro vai contar o quê? O que todo mundo imagina o que seja, e que a patroa do 51 já sabe? O rolo de macarrão parece que andou rolando lá pelo apartamento do 51.

  2. sergio silvestre Responder

    Pensando bem,eu já bem maduro consigo mulheres bonitas até para um bom papo.
    porisso que eu acho que o politico tem vocação para aguentar todo tipo de bagulho.
    De tanto se envolver com os ogros,Sarnei ,jeferson etc,tem que abraçar mesmo a princesa FEONA.

  3. ESSE corruPTo PERTENCENTE A “alta” CÚPULA DA QUADRILHA PTista, VAI LÁ PRA FALAR O QUE?

  4. A Sociedade Responde Responder

    Primeiro, não é obrigado a comparecer. O que quer dizer isso? Que não é importante, é apenas para dar uma satisfação a oposição, aos que cobram moralidade pública e respeito ao erário.

    Segundo, Gilbertinho – como diz a nota -, é de fala mansa, sabe escamotear bem, como um bagre ensaboado, como dizem os mais próprios. Enrolar é com ele e todos caem ou se deixam cair pelo seu velho encanto de esquerda decadente.

    Terceiro, afirmam que ele é ‘o’ mala, que em muitas oportunidades, prejudica mais o sistema domininte do que ajuda, mas tem os que dizem que ele é a caixa preta do lulopetismo, da raiz ao fio de cabelo.

    Portanto, se realmente fosse ‘convocado’ – ou teria que ser intimado – a falar, sem aquele papelório que dá o direito de ficar com a boca fechada -, seria bem mais interessante.

    Então, com certeza, não se terá nada de novo. Quem sabe até,para não perder o costume, dessa o cacete na imprensa como fazem todos aqueles que não gostam de ouvir e ler verdades.

    Verdades que a própria Casa Civil da Presidência conhece de cor e salteado. Durma-se com um barulho desses.

Comente