Uncategorized

Impostômetro de Bolso: 22 mil pessoas já baixaram o aplicativo

Do Felipe Patury:

O Instituto para Desenvolvimento Econômico, Institucional e Social (Ideias) e o Instituto de Formação de Líderes (IFL) lançaram em fevereiro o “Impostômetro de Bolso”. Trata-se do primeiro aplicativo para smartphones com a função de mostrar os valores limpos dos produtos, ou seja, sem os impostos embutidos. São 42 300 itens cadastrados, de leite a pneu, de várias marcas. Até agora, a iniciativa é considerada um sucesso por seus idealizadores. Quatro meses depois do lançamento, o aplicativo foi baixado 22 300 vezes – 37% a mais do que o esperado. Diz a presidente do IFL, Carolina Antunes: “As pessoas estão ávidas para saber quanto gastam com impostos sobre o consumo. Até o fim do ano, chegaremos a 45 000 downloads. Precisamos conscientizar os cidadãos, para pressionar o Congresso a votar a reforma tributária”.

3 Comentários

  1. Gente que loucura é esta, ficar sabendo quanto está pagando de imposto? Isto vai resolver alguma coisa? Vai é deixa-los mais loucos ainda. Mas isto tem um lado positivo, quando for à farmácia comprar aquele remédio receitado, para combater a depressão, vai saber quanto está pagando de imposto.

  2. Quando deixar de pedir a nota Fiscal saberá quanto o empresário esta embolsando nas costas dos consumidores.
    E o sonegometro quando será lançado? Gostaria de saber qual o valor sonegado: divulguem as autuações fiscais a nível federal, estadual e municipal e surpreendam-se com os falsos moralistas!

    Existe no Brasil um pensamento fixado na glorificação do sofrimento por pagar impostos! conceito deturpado

    Em outros paises o pagamento é honrado e existe a conciência da sua importância.

Comente