Uncategorized

Rossoni considera injusta a redução do número de deputados do Paraná

O presidente da Assembleia, deputado Valdir Rossoni (PSDB), considera injusta a resolução do Tribunal Superior Eleitoral que reduz, a partir de 2015, o número de deputados estaduais e federais que representam o estado. “Se todos os estados diminuírem o número de deputados, eu sou favorável, mas não é assim. O TSE está diminuindo de apenas alguns estados. Então nós vamos lutar para não perder esse espaço, porque é menos uma pessoa para defender os interesses do Paraná”, afirmou Rossoni.

Cálculo

O número de vagas foi recalculado depois de o TSE acatar um pedido, feito pela Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas, para uma nova definição nas bancadas federais. A resolução, diz o TSE, leva em conta a proporcionalidade da população dos estados e reduz o número de deputados federais do Paraná de 30 para 29, e o número de cadeiras na Assembleia Legislativa de 54 para 53.

13 Comentários

  1. Está equivocado o nobre deputado, a redução já existe internamente, pq sempre há coluna do meio, direita e esquerda, se eu fosse ele deixaria, vai sobrar mais dinheiro para aplicar na população, fazer aquele repasse que está fazendo …

  2. Eu acho que deveria diminuir mais ainda! E também diminuir em todos os Estados! Deveriam diminuir pela metade a princípio! Fazem muito pouco pelo muito que ganham!

  3. 54, 53 ou 55 deputados significam alguma coisa? Significam sim, e muito, porque cada um deles nos custa R$ 50.000,00 por mês. E nem falo nada da bancada federal, que se fosse reduzida a zero ninguém notaria.

  4. SE MANCA ROSSONI ! O TSE TEM QUE CORTAR A METADE E NINGUEM VAI SENTIR FALTA,DIGA-NOS DEPUTADO <O QUE FAZEM OS DEPUTADOS EM PROL DA POPULAÇÃO ?

  5. sergio silvestre Responder

    Bastaria uns tres para a votação não empatar.
    porisso que os estados estão nessa draga.

  6. Está na Constituição Federal não tem o que reclamar a parte boa é que teremos um deputado a menos pena que isso não gere uma economia porque o valor repassado é em cima de nosso orçamento e não pelo número de deputado!

  7. TEM QUE DIMINUIR É PELA METADE, TODOS OS DEPUTADOS ,
    SÓ ESTÃO FOCADOS EM INTERESSE PRÓPRIO,FARIA NOS UM GRANDE FAVOR!

  8. Esta medida é realmente necessária e precisa ser para todos os
    estados. Temos políticos demais “mamando na teta dos contribuin-
    tes” !!!

  9. Mané do Sudoeste Responder

    Aliás,deveriam diminuir mais o número de deputados federais e estaduais,já temos demais.Qual a justificativa para tantos deputados,para criarem mais partidos de mentirinha,e corromperem mais prefeitos e vereadores,e incharem mais os gabinetes de puxa-sacos e cabos eleitorais.

  10. É importante o Eleitor não ser generalista sobre esta questão, e aceitar revisões para cima em alguns casos, para restabelecer a proporcionalidade perdida em casuísmos do passado. As regiões mais produtivas do país (Sul e Sudeste) estão prejudicadas em sua representatividade parlamentar, por exemplo, com as ‘cotas’ de bancada mínima e máxima da Câmara dos Deputados. Também se vê que a representação proporcional no Senado é distorcida com três representantes por estado; por exemplo: a região Nordeste tem cinco estados pequenos que não somam a população de São Paulo dando vaga a quinze senadores, enquanto aquele estado, mais populoso da federação, fica só com três representantes. Cada eleitor como nós não tem a solução, mas ela tem que ser debatida não só em cortes.

Comente