Uncategorized

Em Pinhais, Gleisi
é ovacionada como candidata à governadora

Diante da maior dupla de cabos eleitorais de que dispõe, Lula e Dilma Rousseff, Gleisi Hoffmann foi aclamada hoje pelo público interno do PT candidata à governadora em 2014. Foi em Pinhais, há pouco, onde o PT realizou sua festa chamada “o decênio que mudou o Brasil”.

Em Pinhais, Dilma classifica crise de “grave e persistente”

Da Gazeta do Povo:

A presidente Dilma Rousseff, ao lado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, defendeu a política econômica do governo do Partido dos Trabalhadores (PT) na noite desta quinta-feira (13) em Pinhais, cidade da Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Os dois participaram do seminário “O Decênio que Mudou o Brasil”, no Expotrade, para comemorar os dez anos do partido na Presidência da República. Durante o discurso, a presidente classificou a crise econômica mundial de “grave e persistente”. A análise é diferente do que o próprio Lula havia dito, chamando a desacelareção da economia global de “marolinha”. “O meu governo coincidiu com uma crise econômica, uma crise grave, uma crise persistente. O Brasil, nesse cenário de crise, não se acovardou. Nós decidimos enfrentar”, ressatou Dilma ao destacar as medidas tomadas para combater a recessão: incentivo ao consumo e aos investimentos. “Nós achamos que não há, absolutamente, oposição entre consumo e investimento. Nós temos que fazer as duas coisas. Por isso, o Brasil vem apresentando um cenário muito difernte das nações em crise.”

Ainda sobre a economia, Dilma afirmou que o Brasil tem uma das menores dívidas líquidas, se comparada ao Produto Interno Bruto (PIB) e reafirmou o compromisso de controle da inflação. “Não vamos deixar a inflação ficar fora de controle, que apostar nisso vai perder feio”, disse. Dilma Rousseff e Lula chegaram ao seminário por volta das 20 horas e foram recebidos com entusiasmo pelo público formado por militantes do partido. Dilma lembrou que foi chamada de “poste” na última eleição presidencial e de uma mulher nascida na esquerda iria radicalizar. “O Brasil respira liberdade e as instituições se fortaleceram.” A presidente criticou a oposição, que ela chamou de alarmista.

Lula começou seu discurso por volta das 20h30. O ex-presidente afirmou que o momento do PT é de construir solidez para a base do partido. “A sociedade não é petista, é heterogênea. Temos que catar aqueles que não estão do nosso lado”, afirmou o ex-presidente. A presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva foram recebidos com entusiasmo pelo público do seminário. Os dois chegaram juntos ao evento, por volta das 20 horas desta quinta-feira.

O ex-presidente falou sobre sua trajetória no partido e de sua vida profissional no sindicalismo. Ele comentou também sobre sua relação com a atual presidente Dilma Rousseff, também discursa no evento. “Eu conheci a Dilma há oito anos e sei da lealdade, sei do compromisso que ela tem com esse país”. Com relação a possíveis desentendimentos com a presidente, Lula relatou ao público que não há hipótese de haver divergências entre ele e Dilma. “Se um dia a gente divergir, ela vai estar certa e eu vou estar errado”, brincou o ex-presidente.

O ex-presidente declarou ainda que o Brasil é um dos países do mundo que mais investe em infraestrutura. “Poucos países do mundo, talvez só a China, têm investido em infraestrutura como o Brasil”. O ex-presidente citou os programas de licitações de portos e aeroportos lançados recentemente pela sua sucessora e os investimentos previstos pela Petrobras no pré-sal. Para a plateia de petistas, Lula declarou que “nenhum país do mundo tem uma perspectiva de futuro como o Brasil”. Para ele, nenhuma nação está gerando a quantidade de empregos que o Brasil vem gerando. “Eu jamais imaginei estar vivo para vivenciar o Brasil com uma taxa de desemprego de 5,5% ao ano.”

Lula alfineta oposição

O ex-presidente aproveitou a ocasião para criticar a oposição, que, segundo ele, está enfraquecida e reclama da inflação sem razão. “Hoje (a inflação) é 5,8% ao ano. A ‘deles’ chegou em 70% ao mês. Quando eu ganhei a Presidência era 14%”, afirmou. Lula discorda da avaliação da oposição sobre a economia. “Eu gostaria de saber, qual é a preocupação e a desconfiança que eles têm da economia brasileira? Qual é o problema que eles têm?”, provocou.

Lula também criticou as agências de classificação de risco, dizendo que parecem avaliar “risco de especulação”. “Nós temos gente no governo que tem competência para tomar as decisões corretas”, afirmou. Ele ainda citou o recém-lançado Programa Minha Casa Melhor, que prevê financiamento para móveis e eletrodomésticos, afirmando que não entende a preocupação dos adversários. “Quem incomoda eles? Será que é financiar geladeira móvel, fogão? O que eles querem?”, indagou.

Evento

Participam da mesa do evento o ministro das Comunicações Paulo Bernardo; o vice-presidente de Agronegócios e Micro e Pequenas Empresas do Banco do Brasil, Osmar Dias; o conselheiro de Itaipu, Orlando Pessuti; líder do MST, Roberto Baggio; a deputada estadual Luciana Rafagnin; o prefeito de Pinhais, Luizão Goularte; o diretor da Itaipu, Jorge Samek; o deputado federal André Vargas; o presidente do PT no Paraná, Enio Verri; além de Lula e Dilma Rousseff.

De acordo com informações da assessoria do PT do Paraná, o tema Ciência e Tecnologia será debatido durante todo o evento com representantes da Fundação Perseu Abramo, ligada a legenda. De acordo com informações do PT estadual, aproximadamente 1,5 mil pessoas participam do seminário.

Entre dirigentes partidários, deputados, prefeitos e representantes setoriais do PT, foram confirmadas as presenças da ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann; além dos presidentes do PT estadual e nacional, Enio Verri e Rui Falcão. Ao ser anunciada, Gleisi foi saudada pelos participantes como “governadora”, já que é cotada como pré-candidata ao Governo do Paraná no ano que vem.

O evento também conta com a participação de Luciano Coutinho, presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES); Glauco Arbix, presidente da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e de Márcio Pochmann, presidente da Fundação Perseu Abramo.

Seminário em Curitiba

A capital paranaense é a quinta cidade a receber o seminário, que passou por São Paulo, Fortaleza, Belo Horizonte e Porto Alegre. Ao todo, serão 10 eventos realizados em todas as regiões do país. Os próximos locais a receber o evento não foram confirmadas pela assessoria do partido. Haverá transmissão ao vivo pelo site da Fundação Perseu Abramo.

16 Comentários

  1. Vigilante do Portão Responder

    A RPC não mostrou a platéia.

    Foi “ovaciobada”?

    Quem e quantos, ovacionaram?

    Lembrando:

    O evento foi “fechado” aos filiados ao Partido.

    Uma “aula” de falta de Democracia.

  2. É BRASIL….QUANTO DIMA, LULA E A MINISTRA ESTAO FAZENDO FESTA EM PINHAIS, O QUEBRA EM SAO PAULO NO RIO CADA VES ESTA PIOR, ESPERO QUE ESSA BADERNA NO PT , NAO VENHA CAIR EM NOSSA CIDADE CTBA, GRAÇA DEUS NÓS TEMOS UM GRANDE PREFEITO E UM GRANDE GOVERNADOR, É BRASILEIROS ESTA NA HORA DE NÓS CRIAR VERGONHA NA CARA TODOS NÓS BRASILEIROS, E DAR UM BASTA NISSO, CHEGA DE MENSALAO CHEGA DE TANTO ROUBO NO BRASIL,

  3. vai ser a eleicão mais fácil da história recente o Paraná, não pelos méritos da Gleice e, sim pela incompetência política administrativa do Sr. Beto Richa e seus asseclas. A seguranca pública desponta como a maior causa desse naufrágio, com indicativo maior para a polícia civil, dirigida por amadores, com um corolário de escândalos sem qualquer apuracão ou reprimenda pelo Richa, que optou pela omissão e pela condescendência. Esta colhendo o que plantou.

  4. O petê é o único troço do mundo, capaz de fazer um SEMINÁRIO, com MILITANTES aplaudindo aos berros, o tempo todo – (Mas isso não é um comício…)
    Por falar nisso, o Gazetão, voltou ao velho e confortável lugar!
    Farta de Diários Secretos; brigas e desentendimentos com quem paga tabela cheia, e compra bem, toda semana; calçadas sendo lavadas pelos adversários; baixa produtividade nas vendas, etc etc.
    A garotada reviu tudo, e rendeu-se à velha política do velho Chico: “Se teu inimigo é muito mais forte que você, não brigue com ele! Alie-se a ele”.
    E vamuquivamu! Brasil!

  5. Claro que foi ovacionada, só tinha PTista lá…
    Se o povo estivesse lá com certeza tomaria uma sonora vaia..

  6. Hummmmm, ovacionada pelos companheiros?????. Queriam o quê????? Que fôsse VAIADA????? Ah, fala sério.

  7. cesar - eu mesmo Responder

    Evento ridículo????, e você acha que os outros partidos agem como?? Ó povinho sem educação (estudo e informação), e ficam falando besteira neste respeitado blog.

Comente