Uncategorized

Arrecadação cai e governo estuda reduzir superavit

Do Valor Econômico:

A péssima arrecadação registrada em junho, quando os tributos administrados pela Receita Federal ficaram cerca de R$ 5 bilhões abaixo do que consta no decreto de contingenciamento, fez o governo repensar a necessidade de um superávit primário do setor público de 2,3% do Produto Interno Bruto (PIB) neste ano.

2 Comentários

  1. -Isto é muito fácil de resolver:
    1)Reduzir o número de ministérios dos atuais 39 para 12;
    2)Diminuir as subvenções de políticos e todos os seus staff’s;
    3)Diminuir a concessão de bolsas para os mais variados motivos;
    4)Acabar com a sangria de dinheiro sem nenhum tipo de fiscalização para obras da Copa;
    5)Reaver todo o dinheiro desviado em corrupção e destinação errada de verbas;
    Concluindo melhor voltar a ditadura militar para por ordem e progresso neste triste Pais assolado por políticos ditos “democratas”, mas no final das contas, são mesmos, é inescrupulosos.

  2. Novamente no Governo vai pintar os balanços? Ou trocar os sinais das contas, o que é debito vira credito? Assim fica muito fácil administrar as contas publicas. E o que é que o TCU vai dizer disto?

Comente