Uncategorized

Mulher entrou no lodo do parque Barigüi e resgate durou duas horas

Do G1 PR:

Uma mulher de 57 anos foi resgatada de uma área de lodo no Parque Barigui, em Curitiba, por volta das 19h de quinta-feira (1º). O diretor da Guarda Municipal (GM), Cláudio Frederico, disse ao G1 que a vítima entrou no local, que fica atrás do restaurante do parque, após sofrer um “ataque psiquiátrico”. O resgate foi feito pelo Corpo de Bombeiros e durou aproximadamente duas horas. A mulher não ficou ferida.

“Quando ela teve o surto, acabou indo para aquela região e ficou presa no lodo. Nossa equipe passava pelo local e até poderia removê-la, mas ela começou a se debater e teve praticamente quase todo o corpo sugado pelo lodo. Por isso, nós decidimos acionar o Corpo de Bombeiros. Com os equipamentos adequados e com muito cuidado, eles conseguiram tirá-la”, explicou Frederico.

A vítima foi atendida inicialmente pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e depois foi encaminhada para uma Unidade de Saúde 24 horas, no bairro Campo Comprido. A região onde aconteceu o incidente foi isolada e deve ser vistoriada por equipes da Secretaria do Meio Ambiente. “Deve ficar claro para os visitantes que o Parque Barigui é um local seguro. O isolamento foi feito para evitar que as pessoas possam escorregar e cair”, orienta o diretor da Guarda.

2 Comentários

  1. O Barigui é seguro? Nem pro meu amigo jacaré não era! E, se chover, o povo não fica atolado, fica é alagado mesmo.

  2. Com certeza ela teve o tal surto depois que viu o tamanho da conta do restaurante, aí resolveu se matar. Por sorte só se atolou naquele mar de lama em que se transformou o lago do Barigüi.

Comente