Uncategorized

Dilma driblou seguranças e saiu de moto pelas ruas de Brasília, diz ministro

Da Folha de S.Paulo:

“Coloquei o capacete e saí andando de moto pelas ruas de Brasília.” A revelação, com ares de felicidade, foi feita de forma absolutamente casual pela presidente Dilma Rousseff a um incrédulo ministro de Minas e Energia, Edison Lobão (PMDB-MA).

“Eu também não acreditei na hora, mas, quando encontramos o Amaro no elevador, passei a acreditar”, disse o ministro, ao perceber a reação dos repórteres à história. A conversa, segundo Lobão, ocorreu durante um encontro na semana passada.

Lobão se referia ao chefe da Segurança Presidencial, general Marcos Antônio Amaro, com quem ele e Dilma esbarraram ao final da conversa. Dilma foi logo se gabando: “Nem ele ficou sabendo”, disse, confiante de que sua escapada havia sido sigilosa.

O general surpreendeu a presidente. “Fiquei sabendo, sim, mandei acompanhar a senhora”, foi logo dizendo o chefe da segurança de Dilma, informando que havia orientado uma equipe a segui-la à distância para não acabar com o sentimento de que estava fazendo uma aventura às escondidas.

Como se queixam alguns ex-presidentes, no Brasil o governante acaba desaprendendo a abrir portas com a própria mão.

Jean Galvão/Editoria de Arte/Folhapress

Ao relatar sua experiência, cuja data não foi revelada, Dilma contou ao ministro sua sensação de andar de moto pela capital: “Senti melhor os ares de Brasília”.

Foi um elogio poético, dado que a cidade passa pelo seu tradicional período de seca, quando a umidade do ar chega a níveis saarianos.

É incerto se Dilma estava na garupa de alguém ou se arriscou-se a pilotar. Segundo o Palácio do Planalto, que não comentou a estripulia, a presidente não tem carteira de habilitação nem sabe dirigir motocicletas.

Ainda surpreso pela revelação, Lobão cobrou da presidente os riscos de segurança envolvidos no hobby: “A senhora não tem de se preocupar só com você e a Paula [filha da presidente], tem de se preocupar também com 200 milhões de brasileiros”.

Dilma sorriu, agradeceu a preocupação do ministro, mas disse: “A vida é cheia de riscos. Tudo que se faz na vida importa riscos”.

Ao ouvir da Folha o relato de Lobão, um ministro próximo de Dilma mostrou-se descrente. “A presidente, andando de moto? Não acredito”, disse. Mas há precedente na relação da mandatária com as máquinas.

O secretário-executivo do Ministério da Previdência Social, Carlos Gabas, é um apaixonado por motos. Dono de uma Harley-Davidson, marca mítica norte-americana, ele conta que Dilma não só pediu para subir no modelo como posou para fotografia.

A fuga não é inédita. Como lembrou Lobão, o general João Batista Figueiredo (1918-1999) costumava deixar os seguranças loucos ao escapar para voltinhas de motocicleta durante sua Presidência (1979-1985).

“Foi uma aventura da presidente. Ela merece. O cargo limita muito as opções de lazer dela. Não dá para frequentar normalmente teatro, cinema, restaurantes”, disse.

12 Comentários

  1. alberto martins Responder

    puxa vida!!!que notícia importante…no estilo quanto mais circo melhor,
    como estratégia de encobrir a crise!!!além disso,’incompleta’- estava na garupa de quem??

  2. A Amaro sabia muito bem quem pilotava a moto, era o Lula ela nunca pilotou nada O Lula também não.

  3. DILMA Motoqueira?!
    Agora sim que eu vou votar nela!!!
    Semana passada esborrachei meu ombro, vou levar uns 6 meses até curá-lo.
    Dói para diabo, mas fiquei feliz de saber que a chefona é motoqueira, acho que já podemos montar o Clube da “DilmaRed”.

  4. Isso me cheira a marketing.
    Uma forma de aproximar a empedernida Dilma do povo sonhador.

  5. De olho nas notícias! Responder

    Precisam avisar essa vovó exemplo Gertrudes prá dar um puxão de orelha na presida. Dirigir sem habilitação é crime!

  6. eu li num blog ou site por aí que a Dilma não tem carteira de motorista ou habilitação para dirigir motos…belo exemplo ela está dando.

  7. Luiz e John: mostrando a nós, necessitados, que, andar de moto (ou até de bicicleta) no tráfego misto ‘não faz medo’ (Moto e scooter: metade impostos, zero segurança).

  8. Ela já tem habilitação sim; inclusive pra motos.
    Ela encomendou do mesmo cara que trouxe-lhe aquela carrada de pós; doutorados e o diabo a quatro que apareciam no site dela durante as eleições, misteriosamente desaparecidos, tão logo a imprensa denunciou serem todos fakes; montados nas coxas, e exibidos nada mais, nada menos, pela futura presidanta do Brasil.
    Esse petismo não passa de uma suruba…

  9. SAIR NA RUA COM CAPACETE ESCONDENDO O RESTO É FÁCIL, TIRA O CAPACETE E SAI NA RUA DE CARA ABERTA PARA VER

Comente