Uncategorized

PT afasta assessor
de Gleisi acusado de estuprar meninas

A executiva estadual do PT decidiu agora há pouco a “suspensão imediata” do ex-prefeito de Realeza, Eduardo André Gaievski – assessor especial da ministra Gleisi Hoffmann (Casa Civil). Gaievski, que se encontra foragido, teve sua prisão decretada pela Justiça, acusado de estuprar meninas menores de 14 anos. O petista já foi afastado do seu cargo no Palácio do Planalto. Leia a seguir a íntegra da nota.

“A Executiva do Partido dos Trabalhadores do Paraná, reunida nesta segunda-feira (26) em Curitiba, determinou a suspensão imediata do ex-prefeito de Realeza, Eduardo André Gaievski, dos quadros do partido. A decisão ocorre para que sejam devidamente esclarecidas as circunstâncias e veracidade das acusações contra o ex-prefeito. A medida foi fundamentada no capítulo 5, artigo 246, do Estatuto do Partido dos Trabalhadores.Curitiba, 26 de agosto de 2013. Executiva Estadual do PT-PR”.

8 Comentários

  1. O PT,sabia que este cara era umBandido,só agora a expulsão? Vai levantando as fichas dos demais. Infiltrados neste Pt?

  2. O PT separa seus criminosos por grupos. Existe o grupo dos mensaleiros, a quadrilha da cueca e mais recentemente os pedófilos.

  3. Gardel, permita-me te corrigir, a nova classe de criminosos do PT não são os PEDÓFILOS, a nova categoria de criminosos PTistas de chama… PTófilos. kkkkkkk

  4. Prof. Luizona Reply

    Agora o “tarado juvenil” não poderá dizer que tudo não passa de perseguição política, já que é “perseguidor de perereca” contumaz…kkkk

  5. Diga me com quem andas…
    A pior parte destes fatos é que o povo é omisso em simplesmente encarar tal escândalo como um fato corriqueiro. Brasil um país da vergonha.

Comente