Uncategorized

Família de Gaievski deixa Realeza após denúncias

Em Realeza não se fala outra coisa: “Ele envergonhou nossa cidade”. Para os moradores da cidade, o ex-prefeito Eduardo Gaievski (PT) não passa de um psicopata. “Só tinha cara de bom moço. Quando era prefeito se preocupava com os jovens todo o tempo. Agora a gente vê a realidade”, disse uma moradora.

Waldemir, dono de uma farmácia, conta que toda a família sumiu depois que o caso veio a público. “Ninguém sabe onde estão”. Waldemir lembrou que em entrevistas nas rádios locais, Gaievski, então prefeito, pedia sempre para que os pais cuidassem de seus filhos e evitassem que eles saíssem com pessoas erradas. “Falso moralista”, disse Waldemir.

4 Comentários

  1. Cláudio Roberto angelinski Responder

    Deus ajude que isso não seja mentira, pois se for coitada dessa família. Mas se for verdade esse cara tem que apodrecer na cadeia…

  2. Desculpem lá! Quem enxovalhou o Paraná – e não só Realeza e o sudoeste – foram o petê do sudoeste e a atual chefia da casa civil – que, usufruindo de todo o poder do qual dispõem, “não tinham conhecimento de nada”, conforme confissão de todos.
    Essa verdade não poderá ser calada em 2014!
    É preciso anular o voto em 2014.
    Ninguém desta comprometidíssima geração está à altura de representar o povo paranaense sob as atuais Araucárias do Paraná, deprimentemente!
    Quiçá, alguma vindoura!

Comente