Uncategorized

Atraso proposital pode afastar Dilma do desfile de 7 de setembro

Do Claudio Humberto:

A segurança do Palácio do Planalto montou um “plano de emergência” para criar um pretexto que afaste a presidenta Dilma do desfile de 7 de Setembro, em Brasília. O plano será deflagrado caso se confirmem os temores de conflitos entre policiais e multidões, na Esplanada dos Ministérios. Nesse caso, será atrasado de propósito o voo do Airbus da FAB que a trará de volta da reunião do G-20, em São Petersburgo. Informada do “plano de emergência”, Dilma detestou. Até decidiu antecipar o retorno da Rússia. Mas a palavra final será da segurança.

A Polícia Federal, que há anos tenta substituir o Exército na segurança de presidentes, criou seu próprio esquema de proteção a Dilma. A PF prevê três “rotas de fuga” para retirar Dilma do palanque oficial em segurança, caso o conflito ocorra após a eventual chegada dela.

5 Comentários

  1. Aroldo Felberg Responder

    Observação: Não se escreve presidenta, e sim presidente. Na dúvida, tome sempre como referência O ESTUDANTE, A ESTUDANTE. Abraços.

  2. Vigilante do Portão Responder

    Trata-se de ação orquestrada.

    Não comparecer ao desfile de 7 de setembro?

    Quando é para fazer anúncios bombásticos (e furados), como o da redução da conta de luz, Dilma é corajosa.

Comente