Uncategorized

Ladrões explodem caixa eletrônico de banco
e fogem sem dinheiro

Do G1 PR:

Um caixa eletrônico de uma agência bancária de Pitangueiras, no norte do Paraná, foi explodido por volta das 4h desta quarta-feira (2). Segundo a Polícia Militar (PM), cerca de cinco pessoas, quatro homens e uma mulher, invadiram o local e usaram dinamite para efetuar a ação. Com o impacto da explosão, uma das portas da agência foi parar do lado da rua. Em virtude da greve dos bancários, que ocorre desde o dia 19 de setembro em todo o estado, alguns caixas eletrônicos não tinham sido abastecidos. Como não havia dinheiro, os ladrões fugiram em seguida. Até as 7h30, os criminosos não tinham sido localizados pela polícia.

De acordo com a Federação dos Bancários do Paraná (Feeb-PR), até a manhã desta quarta-feira mais de seis mil funcionários ainda permaneciam com as atividades paralisadas em pelo menos 10 municípios do estado. Algumas agências tiveram que retomar às atividades parcialmente por determinação da Justiça.

Entre as reivindicações da categoria estão reajuste salarial de 11,93% (5% de aumento real além da inflação), Participação nos Lucros e Resultado (PLR) de três salários mais R$ 5.553,15 e piso mínimo estabelecido pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) de R$ 2.860. Atualmente, conforme a Feeb-PR, o salário inicial dos bancários gira em torno de R$ 1.519. Os trabalhadores também exigem o fim de metas abusivas.

Orientação aos clientes
O Procon-PR alerta que a mobilização dos bancários não pode acarretar em prejuízo para os clientes. A coordenadora Cláudia Silviano afirma que quem se sentir lesado deve procurar o Procon. É importante destacar, contudo, que em diversos casos, existem alternativas para determinadas transações bancárias como pagamentos, que podem ser efetuados pela internet, lotéricas, farmácias, mercados e outros.

2 Comentários

Comente