Uncategorized

Dilma vem ao Paraná nesta terça; entrevista na Banda B será na quarta

Da Banda B:

Está confirmada a visita da presidente Dilma Rousseff ao Paraná nesta terça-feira (29). Ela deve desembarcar em Curitiba no início da tarde e, na sequência, segue para Foz do Iguaçu. Na capital, a presidente deverá se reunir com o prefeito Gustavo Fruet e anunciar recursos para mobilidade urbana. A expectativa é que sejam anunciadas verbas para o novo projeto do metrô, que foi reformulado.

A assessoria da presidência da República, fez apenas uma alteração na agenda. A entrevista que seria concedida à Rádio Banda B e à Rádio Cultura de Foz, em Curitiba, foi transferida para a quarta-feira (30), direto de Brasília. Segundo a assessoria, a presidente irá entrar ao vivo nas duas emissoras direto de um estúdio montado na capital federal, pela manhã. Na Banda B, a entrevista será feita pelo radialista e deputado estadual Luiz Carlos Martins.

Ainda na terça-feira, logo depois de Curitiba, Dilma deve participar da inauguração das obras do Aeroporto Internacional de Foz e visitar a Usina Binacional Hidrelétrica de Itaipu.

A última passagem de Dilma pelo Paraná foi no início do mês quando ela esteve em Campo Mourão inaugurando o trecho de uma rodovia e entregando máquinas ao município.

5 Comentários

  1. antonio carlos Responder

    Fábio, Fábio, quanta má vontade com a companheira presidanta, porque por uma foto como esta? A companheira está com uma cara de espantar até o mais mal humorado.

  2. QUEM TEM BOCA VAIA DILMA!
    UUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU

  3. Para variar, só aparece para ANUNCIAR liberação de recursos, cujos repasses não se concretizam. Fiquem alertas, pois na visita à Hidrelétrica de Itaipu, é bem possível que deseje reinaugurá-la como obra sua. Para mim é uma visita dispensável ao Estado, pois não acrescenta nada, só mais indignação!

  4. Parreiras Rodrigues Responder

    Fecharam o escritório da presidência em São Paulo, por causa do rala rala Rose e Lula.
    Dona Dilma poderia abrir um em Curitiba, pois daqui não sai. Nem que seja até o dia da eleição.Não é assim o que fazem os candidatos?

Comente