Uncategorized

Uma turma selecionada para debater as biografias no STF

Do Lauro Jardim:

A audiência pública convocada pela ministra Cármem Lúcia, relatora da ação das editoras para mudar a lei que possibilita a censura prévia às biografias, não acabaria nunca se dependesse da turma que quer debater o tema. Até agora 40 pessoas pediram para falar nas sessões dos dias 21 e 22 de novembro.

Cármem Lúcia, no entanto, decidiu limitar o número de debatedores, que será muito menor do que os 40 candidatos atuais. Biógrafos estão na lista de aspirantes. Estes, por exemplo, a ministra vetará.

Na semana que vem, sairá a relação final dos debatedores. A votação no plenário do STF será em dezembro.

1 Comentário

  1. Que tempo precioso para debaterem besteiras, enquanto isso os temas importantes e que estão pendentes de decisões do judiciário ficam esperando a banda passar.

Comente