Uncategorized

Sem dinheiro, Prefeitura de Curitiba cancela Galeria de Luz

Do G1 PR:

A Prefeitura de Curitiba anunciou, nesta segunda-feira (25), que cancelou a instalação da Galeria de Luz. A obra, formada por várias lâmpadas, era uma das atrações de Natal da cidade. De acordo com a administração municipal, o cancelamento se deu em virtude dos altos custos de instalação.

A Galeria de Luz entrou para a programação de Natal em 2011. Nela, uma série de arcos com lâmpadas formavam uma espécie de corredor na Rua XV de Novembro, no Centro. Além da Galeria, nos dois anos, houve também uma apresentação teatral.

O diretor do Instituto Municipal de Turismo (IMT), Paulo Colnaghi, disse ao G1 que a administração municipal não conseguiu patrocinadores interessados em ajudar na realização do evento. Segundo ele, no início da gestão atual, os organizadores da Galeria fizeram um orçamento de R$ 3 milhões para implantar a obra no período natalino. “Até uma semana atrás, nós ainda tentávamos patrocínio, mas não conseguimos”, conta.

O presidente do IMT diz que a prefeitura não possui recursos em caixa para bancar a instalação da Galeria de Luz. “A prefeitura teve que cortar custos em todas as áreas. Não teríamos condições de gastar R$ 3 milhões neste evento”, afirma.

Segundo ele, o autor da Galeria chegou a sugerir que a prefeitura instalasse a obra, mas sem as apresentações teatrais, o que poderia reduzir o valor para cerca de R$ 2 milhões. Mesmo assim, não havia dinheiro. “Sabemos que é uma perda lastimável, mas tentamos de todas as formas”, afirma Colnaghi.

Parceria estadual
Colnaghi lembrou que em 2012 houve uma parceria entre a Secretaria Estadual de Cultura para promover o espetáculo. Segundo ele, a administração estadual foi procurada, mas não chegou a sinalizar nenhum tipo de ajuda para que a obra e as apresentações teatrais ocorressem.

A Secretaria de Cultura informou que, no início de 2012, houve uma consulta quanto a possibilidade de serem repassados os recursos, mas que posteriormente a administração municipal não deu continuidade ao processo, nem enviou qualquer ofício para formalizar o pedido da verba. Além disso, com o corte de gastos que a administração estadual vive, a Secretaria acredita que também não teria recursos para ajudar a prefeitura no evento.

Para 2014, Colnaghi afirma que a Prefeitura já tem parceiros interessados em apoiar a instalação da Galeria de Luz. “Vamos nos preparar para 2014”, garante.

Outros eventos
Sem a Galeria de Luz, o Natal na Rua XV de Novembro ficará restrito às feiras que ocorrem nas praças Osório e Santos Andrade, além das apresentações no Palácio Avenida. Estas começam a partir da próxima sexta-feira (29). Conforme Colnaghi, haverá ainda outros eventos esporádicos que estão programados para a Rua Xv de Novembro. Eles devem ocorrer no espaço onde ficaria a Galeria de Luz.

Em Curitiba, o lançamento oficial do Natal deve ocorrer no domingo (1º), a partir das 11h, no Parque Barigui. Esta é a primeira vez que a festa oficial de Natal será gratuita e aberta ao público. Além da chegada do Papai Noel, está previsto um show com o cantor Ivan Lins. A prefeitura pede a quem for ao evento que leve um brinquedo para ser doado a crianças carentes.

13 Comentários

  1. Fazer o que, esta trabalhando com orçamento do ex… sem falar que existem artistas locais que desenvolvem trabalhos tão maravilhosos quanto e por um custo muito menor!!

  2. Roberto Santos Responder

    O ano passado alguns amigos que moram nos USA, ficaram surprêsos ao ver esta maravilha, bem como o espetáculo dos dançarinos no espaço. Só agora os “competentes”da PMC informamm que o espetáculo está suspenso. Lamentável

  3. Vó Gertrudes mamou toda a grana da prefeitura (R$ 27 milhões) em publicidade.

    Tadinho do Natal, daqui a pouco vai ser cancelado.

    Esperar o quê desse bando de ateus comunistas…

  4. Gustavo Fruet já é o pior prefeito de Curitiba!
    Além de cancelar uma das poucas atrações de Curitiba no verão, calçadas recém feitas como na Bispo Dom José no Batel, estão abandonadas e com mato enorme no lugar do que seriam flores.
    Uma vergonha!

  5. Prefeito Ivo Arzua Pereira Responder

    Gesto lúcido e austero do Prefeito Gustavo Fruet e da Secretária
    Eleonora Bonato Fruet.Pena não ter cancelado no primeiro dia de gestão o viaduto estaifaturado,a licitação dos estacionamentos publicos da estação Rodoferroviária e da praça rui Barbosa,dados para
    a iniciativa privada nos extertores do governo passado,os carros toyota cotrans.

  6. Doutor Prolegômeno Responder

    O Papai Noel de Curitiba vai vir de chinelos, calça rasgada na bunda e saco vazio. Pobreza é uma merda.. Santa Claus is coming to town…

  7. e a grana pra terminar a Baixada?????? sobrou algum?????? o Pessutão e o Mario C. Cunha ferraram o Fruet e o Beto.

  8. Bom mesmo é o governo estadual, não cancelou nada e agora está sem caixa para pagar conte de telefone e conserto de viatura da polícia. Há quem diga que não tem recursos para a folha de pagamento e 13º do funcionalismo. Vamos ver no que vai dar este desgoverno com a maneira “nova” de fazer política.

  9. Este ano não haverá galeria de Luz na Rua XV devido ao cancelamento do patrocínio do governo estadual, de Beto Richa, que ocorreu em cima da hora. O governo estadual tem suas prioridades, cria centenas de cargos comissionados, mas não tem dinheiro para pagar contas básicas, como luz, combustível, papel, tinta para impressora, etc.. Lamentável. É o pior governo estadual que o Paraná já teve…

  10. jofre (atleticano) silva Responder

    mas grana pra Baixada vai ter né???????????? como torcedor do Furacão não ligo pra iluminação do natal mas sim terminar o mais belo estádio do mundo.

Comente