Uncategorized

Junta da Câmara rejeita aposentar Genoino por invalidez e complica situação do petista

Da Folha de S.Paulo:

A junta médica que avaliou o estado de saúde do deputado federal José Genoino (PT-SP), divulgou nesta quarta-feira (27) parecer contrário ao pedido de aposentadoria imediata por invalidez feito pelo deputado licenciado.

O parecer, que deve ser confirmado pelo presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), complica ainda mais a situação do petista, que com a ajuda de seu partido trabalhava para conseguir o benefício como forma de barrar a instalação do processo de cassação de seu mandato, o que pode acontecer na semana que vem.

Segundo laudo, o petista não é portador de “cardiopatia grave” que o impossibilite definitivamente. Ele será reavaliado em 90 dias, período em que continuará licenciado. Após isso, passará por nova avaliação.

Preso há mais de uma semana devido à sua condenação a 6 anos e 11 meses, sendo 4 anos e 8 meses de prisão por corrupção ativa –por 9 votos a 1–, e a 2 anos e 3 meses por formação de quadrilha –por 6 a 4.

Aos 67 anos, Genoino realizou no meio do ano uma cirurgia de correção da aorta, a principal artéria do corpo humano, e paralelamente ao pedido da Câmara, também tenta obter do STF (Supremo Tribunal Federal) a autorização para cumprir sua pena em casa.

Em setembro, ele entrou com pedido de aposentadoria na Câmara, mas a junta médica destacada para avaliar seu caso disse que era necessário uma nova bateria de exames após quatro meses para ter um diagnóstico mais preciso sobre a evolução da cardiopatia do deputado.

Ao começar a cumprir sua pena de prisão no último dia 15, porém, Genoino entrou com pedido de antecipação da resposta como forma de evitar a abertura de seu processo de cassação. O destino do mandato do deputado é fruto de controvérsia entre a Câmara e o Supremo.

José Genoino

Ver em tamanho maior »

AnteriorPróxima
Pedro Ladeira – 16.nov.2013/Folhapress
AnteriorPróxima
José Genoino desembarca no hangar da PF em Brasília
CASSAÇÃO

No julgamento do mensalão, a maioria dos ministros da corte entendeu que a cassação do mandato do petista deveria ser automática, a partir do momento em que ele começasse a cumprir a pena, cabendo à Câmara apenas a tarefa formal de oficializar a perda do mandato. O Legislativo resolveu, porém, descumprir essa ordem e deverá na semana que vem abrir o processo de cassação, dando a palavra final ao plenário da Câmara. Para que Genoino perca o mandato, é necessário o voto de pelo menos 257 dos 513 deputados.

Projeto aprovado ontem de forma definitiva pelo Congresso prevê que esse tipo de votação seja aberta. Paralelamente ao seu pedido de aposentadoria, Genoino tenta obter do STF Autorização para cumprir sua pena em casa.

Laudo elaborado por médicos da UnB (Universidade de Brasília) a pedido do tribunal apontou que o problema cardíaco do ex-presidente do PT “não se caracteriza como grave” e que não é “imprescindível” que ele fique em casa para realizar seu tratamento.

Genoino é uma figura histórica dos quadros do PT, tem sete mandatos de deputado federal e até a eclosão do mensalão era um dos principais nomes da legenda. Ele foi presidente do PT e candidato derrotado da sigla ao governo de São Paulo em 2002.

No julgamento do mensalão, ele foi condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, além do pagamento de R$ 468 mil em multas. A maioria dos ministros do STF entendeu que ele participou das negociações da compra de apoio político ao governo no Congresso e orientou a distribuição do dinheiro do esquema.

17 Comentários

  1. PERGUNTO O SALVADOR DO BRASIL DR.JOAQUIM BARBOSA ESTA ERRADO OU CERTO, QUEM PODE RESPONDER SAO OS BRASILEIRO, PARA MIM ESTAVA CORRETISSIMO. CHEGA DESSES MENSALAO, VAMOS AJUDAR SAUDE NOSSA SEGURANÇA , COM ESSE DINHEIRO QUE ERA DESVIADO.

  2. MENSALEIRO JUNIOR Responder

    PARABÉNS AOS MÉDICOS QUE COMPÕEM ESSA JUNTA POR NÃO SE DEIXAREM LEVAR POR QUESTÕES POLÍTICOS PARTIDÁRIAS.ELES MOSTRARAM QUE SÃO PROFISSIONAIS ISENTOS E SÓ SE BASEIAM NO JURAMENTO DE HIPÓCRATES.

  3. Caro Fabio e eleitores, esse meliante condenado petista está rindo da fisionomia dos ministros do STF, pois quando dirigindo-se para a prisão, teve a audácia de erguer o punho fechado como facista que é. Esse elemento é da mesma extirpe de SADDAM HUSSEIN, e a população brasileira somente estará a salvo, livre desse elemento pernicioso somente após a sua morte. A prisão deve ser em REGIME FECHADO, pois é elemento PERIGOSO, altamente articulado e articulador, não podendo ficar em casa mobilizando a iludida sociedade petista. Atenciosamente

  4. Acho que estes médicos devem ser,ou da elite dominante ou da mídia golpista ou tucanos…

  5. É simplesmente vergonhoso a situação desse cidadão (Genuino) certo ? Tantos brasileiros com problemas de saúde q chegam no INSS e o médico (perícia) olha na cara do coitado e diz: Vc está liberado p trabalhar certo ? É de causar nojo nessa política brasileira ou estou errado ?

  6. Parreiras Rodrigues Responder

    Se diz dodói, prá ficar em casa. E ganhando 27 mil mensais, mais as regalias do cargo que dobram isso ai, se diz pobrete…Eu, hein?

  7. É tamanha a perplexidade diante da reação de uma minoria que tenta colocar a capa de perseguidos políticos nos mensaleiros, quando a imprensa divulga e relembra (pois o cidadão que luta no dia-a-dia tem memória curta) a sequencia de fatos vergonhosos articulados e executados pela quadrilha a que o “pretenso cardiopata” sempre faz parte. Qualquer cidadão de bom senso que preze o País que vive, que respeite seus semelhantes, que tenha valores pautados na honestidade, no bom senso e tenha a mínima inteligência e racionalidade que diferencia o ser humano de um animal, se mostra feliz com o desfecho atual da história do “sofrido presidiário”. Parabenizo a atitude dos médicos que elaboraram o laudo real, e espero que o STF mais uma vez exerça o papel que lhe cabe, acelerando a cassação deste senhor que não respeitou a confiança dos eleitores no exercício dos diversos mandatos que teve. Talvez se desenharmos, os políticos que atuam somente em causa própria e em conchavos, entendam que a grande parte da população não é mais composta por pessoas que se deixam levar por propagandas enganosas e desculpas esfarrapadas, porque enquanto aqueles se reunem para dar o próximo bote no povo, a população está trabalhando, pagando para ter uma educação e saúde decente, e atenta para as conhecidas formas de atuação política no País. Chegou a hora da prestação de contas para os que usam o cargo político para saquear o dinheiro suado do povo. Por isso, não sinto nenhuma pena dos mensaleiros presos, e espero que fiquem lá e sem regalias por muito tempo. O povo agradece!

  8. Tem pessoas com doenças sérias e estão trabalhando, não acho justo aposentar um cara que só apronto.

  9. antonio carlos Responder

    ” quero porque quero ser aposentado por invalidez”, afinal de contas tenho direito a esta mamata, fui até presidente de partido. E milhares de trabalhadores ouvem diariamente os médicos peritos do INSS dizerem repetirem o que a junta médica disse ao deputado ladrão, o senhor, ou senhora, não tem direito à aposentadoria por invalidez, porque pressão alta não é doença que impeça alguém de trabalhar para ganhar o pão nosso de cada dia.

Comente