Uncategorized

Longe deste insensato mundo, a folga em Paris

Paulo-Salamuni-em-Paris1-620x555

Paulo Salamuni, vereador, presidente da Câmara Municipal de Curitiba, está em Paris. Foi por conta do erário, para representar o prefeito Gustavo Fruet e receber um prêmio.

Salamuni adora Paris. Mas na segunda estará de volta para ver o jogo da seleção.

C'est la vie

9 Comentários

  1. Fernando Francisco Fontana Reply

    Que MAMATA. Faça oque eu digo, mas, não faça oque eu faço.

  2. Vigilante do Portão Reply

    Não muda nada.

    No atacado, o partido CONDENA as mamatas e a corrupção.

    Quando no poder, ou mesmo na órbita dele,
    Aproveitam das benesses e das mamatas.

    PV, partido do Salamuni, aparece na TV, travestido de paladino da moralidade.

    O mesmo se dá, infelizmente com os radicais, tipo PSOL PCB, etc.

    Qual partido, mesmo desses, RENUNCIOU aos cargos de gabinete?
    São DEZENAS de “aspones”. muito bem pagos.

    Como conciliar o discurso MORALISTA com esse empreguismo desbragado?

    Caso eu esteja enganado, que me contestem.

  3. Luiz Carlos Flavio Reply

    Aproveita bem a deliciosa SINECURA, toma todas, enche a pança com de vinho francês ou champagne Moêt (US$ 185 na distribuidora) e foie gras a US$ 100 o Kg, é tudo por conta do contribuinte curitibano, que faz questão de pagar a conta para um evento tão importante.
    Aproveita bem mesmo, pois um dia a vaca vai para o brejo.

  4. sergio silvestre Reply

    A politica é uma arte de fazer megalomânicos aproveitarem a vida.
    Olha que belo trabalho presta o digníssimo vereador com esse visual bucólico e esse bom gosto em se vestir,esta ali comendo caramujos melequentos com champanhe de bourbon as custas do erário.
    Passa no caixa no fim do mês ,pega seu gordo salario,mais alguns por fora e já pensa nas ferias de julho.

  5. Antes Paris valia uma missa, desde sempre para a politicagem nacional vale uma festa !!!

  6. Salamuni é um cumpridor da lei: “Dinheiro da viúva não tem dono.”

Comente