Uncategorized

Francischini convoca Foster, Costa e Yousseff para depor sobre desvios na refinaria de Araucária

O líder do SD, deputado federal Fernando Francischini (PR), protocolou requerimento nesta quarta-feira (25) na CPI mista da Petrobras convocando a presidente da estatal, Graça Foster, o ex-gerente geral da Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar), João Oderich, o ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa, e Alberto Yousseff, para prestarem esclarecimentos sobre as denúncias de conexão entre as irregularidades nos contratos da Repar e o esquema fraudulento montado na Refinaria Abreu e Lima.

De acordo com reportagem do jornal O Estado de São Paulo do dia 17 de junho, o Ministério Público Federal suspeita que as obras da Petrobras na Repar tenham sido alvo do mesmo esquema investigado na Abreu e Lima. Relatório aponta que recursos de contratos superfaturados com construtoras que fariam as melhoras na refinaria do Paraná podem ter abastecido empresas ao ex-diretor da estatal, Paulo Roberto Costa, e ao doleiro Alberto Yousseff.

“As suspeitas de irregularidades em contratos da Repar são antigas. A novidade agora é o envolvimento de Paulo Roberto Costa e do doleiro Yousseff na obra da Repar. Quantas mais refinarias da Petrobras essa organização criminosa usou para desviar os recursos públicos para benefício próprio e para alimentar essa máquina de corrupção?”, questiona Francischini.

1 Comentário

  1. sergio silvestre Responder

    Esse deputado parece um LULU querendo morder a canela do carteiro.Incrível a capacidade dele para tentar aparecer.
    Deputado,faz alguma lei abaixando impostos ou já que é da área de segurança,tenta alguma coisa produtiva para baixar a violência.

Comente