Uncategorized

Gilberto Carvalho
sinaliza o desastre

Elio Gaspari, O Globo

O ministro Gilberto Carvalho, comissário para negociações com os movimentos sociais, deu duas entrevistas reveladoras. Numa, a blogueiros, rebateu a sociologia da conspiração inventada por Lula, segundo a qual o constrangimento imposto à doutora Dilma foi coisa da elite: “No Itaquerão não tinha só elite branca, não. Fui ao estádio e voltei de metrô, não tinha só elite, não, tinha muito moleque gritando palavrão no metrô.” (Ele já soubera do grito num show em Ribeirão Preto.)

Noutra entrevista, à repórter Natuza Nery, recomendou que o PT “não parta da ilusão de que o povo pensa que está tudo bem”.

O doutor não é um dissidente. Pelo contrário, é um quadro da velha cepa petista. Ele percebeu que chegou ao andar de baixo a ideia de que o PT é farinha do mesmo saco onde estão os demais partidos.

Atribui parte dessa percepção aos suspeitos de sempre: a imprensa conservadora, os métodos de arrecadação de recursos nas campanhas e a estrutura política.

Em alguns pontos ele tem razão: se a bancada da Papuda esteve num “mensalão do PT”, não é justo falar em “mensalão mineiro” quando se trata da malfeitoria do PSDB. Também é esquisito verificar que há petistas na Papuda e os tucanos metidos no caso da Alstom, bem mais antigo, ainda não foram julgados.

O alerta de Carvalho é bem-vindo. No entanto, pela reação de seus companheiros, está longe de ser consensual. O PT jamais partiu para cima do pedaço de sua elite que se meteu em roubalheiras.

5 Comentários

  1. Doutor Prolegômeno Responder

    As razões de Gaspari são as razões do lobo de La Fontaine. Muito nariz marrom, pouca imparcialidade. Já o chefe das SA usa do conhecido conversê-blá-blá-blá de quem não é contra nem a favor, muito pelo contrário. Lulopetistas não merecem confiança. Devem pagar à vista, em dinheiro sujeito a máquina de conferência.

  2. Vigilante do Portão Responder

    Ontem, na Folha, saiu notícia do ENCONTRO DO GILBERTO CARVALHO COM OS “BLACK BLOKS”.

    Sempre me perguntei:

    Quem estaria interessado em promover depredações?
    Quem incentivou baderneiros a se INFILTRAREM nos protestos pacíficos, para, num momento apropriado, quebrar agências Bancárias e concessionárias de veículos?

    Quem são esses “BLACK BLOKS”?

    Pois é.

    O Ministro Gilberto, como diz o texto da Folha, SABE!

    Ele sabe quem são os baderneiros, até marcou encontro com eles.

    Espero que tenha REPASSADO essa IMPORTANTÍSSIMA informação para a PF e para os demais órgãos de Segurança Pública.

    Pode ser considerado CONIVENTE.
    Como é Ministro de Estado, o governo DILMA, diz o Código Civil, é RESPONSÁVEL pelos prejuízos sofridos pelas empresas e bancos.
    Mais, Pode responder CRIMINALMENTE, em coautoria, nos termos do Código Penal, se de alguma maneira INCENTIVOU ou AJUDOU aos criminosos.
    Pode, ainda, responder por ter SILENCIADO.

    Veja, estamos -como gostam de dizer os Advogados – NO CAMPO DAS HIPÓTESES.

  3. Ganha uma viagem a Cuba quem conhecer um ministro petista que não tenha sentido cheiro de queimado na Petrobras do comissário José Sergio Gabrielli. Quando o ex-governador gaúcho Olívio Dutra defendeu a renúncia do deputado José Genoino, seu colega André Vargas insultou-o.

    Carvalho sabia quem era Olívio. Talvez soubesse quem era Vargas. De qualquer forma, poderia informar-se com a chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, sua colega de militância na política paranaense. A estrela de Vargas só se apagou quando a Polícia Federal iluminou suas relações com o doleiro Alberto Youssef.

    Reconheça-se que, nesse caso, pela primeira vez em muitos anos, o PT foi rápido e cortou a própria carne. Repetiu o gesto quando um deputado estadual paulista foi apanhado nas proximidades do PCC. (Bem votado, Luiz Moura tinha na biografia a condição de assaltante condenado que fugira da cadeia e safara-se da pena com um recurso judicial.)

  4. o amigo do povo Responder

    O comissário é dos poucos que não alimenta ilusões, por mais dura que a realidade seja, é melhor enfrenta-la do que fazer de conta que tudo vai . Como vê que para ele futuro incerto no segundo reinado da companheira, já põe as barbas de molho. Nada pior do que ser pego com as calças na mão.

Comente