Uncategorized

Ao menos um

No alvo

Do Lauro Jardim:

Enfim, uma testemunha convidada pela defesa de André Vargas confirmou presença no Conselho de Ética da Câmara. O capitão de Fragata da Marinha Paulo Ricardo de Souza e Souza vai depor em na quinta-feira, às 11 horas.

Agora, será que ao menos o relator do processo no colegiado, Julio Delgado, sabe dizer qual é a importância do oficial da Marinha para o caso envolvendo André Vargas e Alberto Youssef?

Diz Julio Delgado:

– Não faço a menor ideia.

3 Comentários

  1. O mundo político no Brasil anda a passo de tartaruga.
    Quanto tempo estão esperando a apresentação das teste-
    munhas ? Por isso mesmo que nada neste país anda como
    deve. Tudo coberto por núvens escuras e o tempo passando
    como rojão !!!

  2. Vigilante do Portão Responder

    Um Capitão de Fragata?
    O Vargas “emprestou um NAVIO também”?

    Não era só um avião?

    Noto a falta da Gleisinha na defesa do Vargas.

    Ela não vai dizer nada?

  3. Será que evita a nau de afundar? O Capitão deve ter muito para contar, por exemplo: emprestou a nau para os passeios do malfeitor por águas da Paraíba; fez segurança particular da família do malfeitor ou protegeu a aeronave emprestada. Sei lá. Só asneiras. Asneiras deve ser contadas pelo Capitão. Ou terá outros segredinhos nunca antes revelado nesse processo? Estão enxugando gelo com panos quentes.

Comente