Uncategorized

Funcionários da Câmara de Curitiba investigados

por Fernando Tupan

O Ministério Público do Paraná (MP) está investigando funcionários da Câmara Municipal de Curitiba que teriam desvio de função. A ação foi aberta no dia 14 de julho e pode atingir aproximadamente 100 servidores. O processo começou quando uma jornalista entrou com um processo por assédio moral contra a Mesa Executiva. Chamada pelo MP, ela anexou a ficha funcional. Um promotor notou que havia sido aprovada para outra função, não a de jornalista. Um procurador da casa legislativa foi chamado e houve a solicitação das fichas de todos os efetivos. Ele criou dificuldades, falando que seria difícil encontrar todos os papéis, por serem da época em que a casa legislativa não era informatizada. A justificativa deixou o MP com a pulga atrás da orelha. Então, para tirar todas as dúvidas, foi aberto um processo para certificar se existiriam outros nomes com o mesmo problema.

Comente