Uncategorized

Erundina assume coordenação da campanha de Marina

Erundina_02122012

De Gazeta do Povo, com Agência Estado:

Deputada de São Paulo assume o posto após a saída de Carlos Siqueira, que deixou o cargo descontente com os rumos da campanha.

Após um dia turbulento, marcado por desentendimentos entre seus integrantes, o PSB designou a deputada Luiza Erundina (SP) como coordenadora da campanha de Marina Silva à Presidência da República.

O anúncio foi feito pela direção do PSB no final da noite desta quinta-feira (21). Erundina substitui Carlos Siqueira, que pela manhã anunciou sua saída da coordenação. Ele não concordou com os rumos da campanha após a confirmação da candidatura de Marina, que substitui Eduardo Campos, morto em acidente aéreo no último dia 13.

“O Presidente Nacional do Partido Socialista Brasileiro, Roberto Amaral, designou a deputada Luiza Erundina (SP) para coordenar a campanha da Coligação ‘Unidos Pelo Brasil’. Luiza Erundina substitui Carlos Siqueira na coordenação geral da campanha”, diz a nota distribuída pela assessoria de comunicação do PSB nacional.

À tarde, o candidato à vice-Presidência na chapa liderada por Marina, deputado federal Beto Albuquerque (PSB), atribuiu a saída de Siqueira a um “pequeno desentendimento” e disse que pode assumir a função temporariamente, até a sigla encontrar um nome de consenso para a tarefa.

Em entrevista coletiva em Porto Alegre, nesta quinta-feira (21), Albuquerque lembrou que, desde a morte de Eduardo Campos, que concorreria à Presidência, há uma semana, todos os integrantes da coligação estão extenuados pela busca inicial dos corpos, velório, sepultamento e, posteriormente, tratativas políticas, dormindo menos de quatro horas por noite. “Neste momento de tensão houve um atrito, vencível”, justificou. Referindo-se à reunião de quarta-feira à tarde, lembrou que “Marina não ofendeu ninguém, é uma mulher delicada e generosa”.

Admitiu ainda que, assumindo a condição de candidata, Marina queira ter algumas pessoas de sua confiança em áreas estratégicas de sua campanha. “Isso foi compreendido errado, a meu juízo, pelo Carlinhos, que eu prezo imensamente, e ele se estressou com aquela nossa reunião”, avaliou, afirmando que “isso está resolvido”.

7 Comentários

  1. Vigilante do Portão Responder

    Tiro no pé.

    Basta ver a desastrada gestão dela em SP.

    SP, no caso, é o + importante Colégio Eleitoral do País.

    Vou contar um “causo”:

    Erundina, enquanto militante do PT, era organizadora e incentivadora de greves. Principalmente no Transporte Coletivo.

    Bradava, juntamente com os Sindicalistas, por maiores salários, redução da jornada, etc.

    Pois é,

    Eleita, a “thurma” acreditou que ela fosse, de imediato, implantar as propostas que sempre defendia.

    LEDO ENGANO.

    Os meses foram passando,
    NADA de reajuste, ou de redução da Jornada.

    Cansados de esperar, os Motoristas e Cobradores iniciaram uma GREVE.

    Ela sinalizou com um reajuste.
    Cálculos feitos, soube que para dar o reajuste, conforme pleiteado, a passagem deveria ser aumentada.

    NÃO!
    Disse Erundina.

    Não deu o reajuste, e mandou a Polícia para “convencer” os grevistas.

  2. Companheiros Fernando Collor (PTB-AL) recrutou Gleisi Hoffmann (PT-PR) como cabo eleitoral na TV. Ele exibiu discurso em que a senadora o saúda pelo fim de um processo e diz que “o tempo é o senhor da razão”. Na Presidência, Collor usava uma camiseta com a frase.

  3. isaias maurrici Responder

    Todos os candidatos que foram ou são do PT,não merecem o meu voto,são todos maus caráter e somente enganan o povão com esmolas tipo bolsas disso,vale gás,vale transportes,quotas disso quotas daquilo com o dinheiro de quem luta e trabalha honestamente,isto sem falar em MST,MSTU,PSOL,PCB e todos os baderneiros deste país. Tenho dito.

Comente