Uncategorized

Jornal sobre cavalos de Requião esquenta o dia na Boca Maldita

unnamed

Um jornal distribuído hoje na Boca Maldita de Curitiba causou maior fuzuê entre a Polícia Militar, servidores do TRE-PR e dissidentes do PMDB. O “Paraná Total”, de oito páginas, assinado pelo jornalista Carlos Bahia, dedicou a edição às denúncias contra o senador Roberto Requião (PMDB), a maioria já divulgada pela imprensa paranaense. A PM e o TRE apreenderam alguns exemplares dos jornais, o que gerou bate-boca entre os dissidentes do PMDB e os policiais. “O jornal não é do PMDB, o jornal é meu, está assinado, inclusive com as fontes em que foram baseadas as matérias desta edição”, disse Bahia.

“Cavalgada com dinheiro público” é a principal manchete do jornal, que tem ainda as matérias “Scarpelini tira o sono da família Requião”, “Roberto Requião faltou com verdade” (sobre os pedágios e cópia do aditivo assinado por Requião) e “O castelo da vovó Naná” – alusão ao irmão do senador, o psicólogo Eduardo Requião. “Empregada rouba R$ 324 mil e devolve R$ 565 mil” e ainda “Projeto de Requião penaliza consumidor”. “Em protesto contra a apreensão, a União das Associação de Bairros vai distribuir exemplares do jornal já nesta segunda-feira, 25, às 6h, no terminal da Praça Rui Barbosa”, adianta Bahia.

Comente